Política

Maduro condena declarações 'intervencionistas' do premiê francês

Manuel Valls felicitou a oposição pela vitória nas eleições legislativas e defendeu a libertação de opositor venezuelano

Giovanna Torreão
Giovanna Torreão
Publicado em 17/12/2015 às 18:32
Foto: Agência Brasil
Manuel Valls felicitou a oposição pela vitória nas eleições legislativas e defendeu a libertação de opositor venezuelano - Foto: Agência Brasil
Leitura:

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, tachou de "intervencionistas" as declarações do primeiro-ministro francês, Manuel Valls, nesta quinta-feira (17), depois que ele felicitou a oposição pela vitória nas eleições legislativas e defendeu a libertação do opositor Leopoldo López.

"Repudio e rejeito as declarações intervencionistas, imorais, do primeiro-ministro da França", declarou Maduro em um ato oficial, acrescentando que o governo emitirá uma nota de protesto contra a França.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias