LAVA JATO

Dirceu apela a Sérgio Moro para responder em liberdade

O ex-ministro alegou que tem uma filha pequena e precisa sustentar a família

JC Online
JC Online
Publicado em 21/10/2016 às 22:59
Foto: TV Brasil
O ex-ministro alegou que tem uma filha pequena e precisa sustentar a família - FOTO: Foto: TV Brasil
Leitura:

Ex-ministro da Casa Civil, José Dirceu (Governo Lula) fez um apelo ao juiz Sérgio Moro durante depoimento ao magistrado nesta sexta-feira (21). Dirceu pediu para responder em liberdade, para poder trabalhar e sustentar sua família. As informações são do Blog do Fausto Macedo, do Estadão.

Condenado a 20 anos e três meses de reclusão pelos crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e organização criminosa, desta vez, Dirceu foi interrogado em outra ação penal, por suposto recebimento de propina no esquema da Petrobrás.

"Não é crível que alguém acredite que eu vou fugir, que eu vou obstruir a Justiça, na situação que eu estou. Eu preciso sair pra trabalhar pra sustentar minha filha que tem seis anos de idade", disse Dirceu ao juiz. 

O ex-ministro considerou que tem o direito de responder o atual processo em liberdade. "Porque a responsabilidade é minha pelo que aconteceu. Eu estou dizendo isso porque são fatos objetivos. A realidade da minha família é de dificuldade financeira.", admitiu Dirceu.

Moro negou o pedido e informou ao ex-ministro que já havia tomado sua decisão. A defesa de Dirceu recorreu ao Supremo Tribunal de Justiça (STJ) e ao Supremo Tribunal Federal (STF), mas as cortes também negaram. Dirceu aguarda agora a decisão da corte do Supremo.

Confira a íntegra do depoimento de José Dirceu:

Últimas notícias