Aliança pelo Brasil

No Grande Recife, apoiadores de Bolsonaro vão às ruas por assinatura do Aliança pelo Brasil

Apoiadores do presidente Bolsonaro estão confiantes com a coleta das assinaturas para o Aliança Pelo Brasil

Alice Albuquerque
Alice Albuquerque
Publicado em 29/01/2020 às 18:29
Notícia
Filipe Jordão/JC Imagem
Apoiadores do presidente Bolsonaro estão confiantes com a coleta das assinaturas para o Aliança Pelo Brasil - FOTO: Filipe Jordão/JC Imagem
Leitura:

Apoiadores de Bolsonaro irão fazer um evento para a coleta de assinaturas para a criação do partido do presidente Aliança pelo Brasil, capitaneado pelo Coronel Meira, responsável pela implantação do Aliança pelo Brasil em Pernambuco, no próximo sábado (1), no Centro de Convenções, a partir das 14h. Na programação, está prevista uma live com Bolsonaro para saudar seus apoiadores. Nesta quarta-feira (29), a reportagem do Jornal do Commercio esteve em um dos pontos de coleta das assinaturas, em Piedade, Jaboatão dos Guararapes, e conversou com voluntários. O movimento de pessoas chegando no local para dar apoio ao Aliança pelo Brasil era grande.

Segundo a Folha de São Paulo, Jair Bolsonaro já tem 60% das assinaturas necessárias para fundar o partido. O número é elevado para o tempo de arrecadação de um mês, mas a avaliação é que será difícil validá-las a tempo de participar das eleições de 2020.

>> Em culto, pastor pede apoio ao 'Aliança', novo partido de Jair Bolsonaro

>> Gilson Machado e coronel Meira assinam criação da Associação Aliança pelo Brasil de Pernambuco

O advogado e corretor de imóveis Gustavo Hollanda foi quem teve a ideia de chamar os voluntários do grupo Brasil Conservador B38, de apoio a Jair Bolsonaro, para colher as assinaturas necessárias para a formação do partido Aliança pelo Brasil. "A gente identificou essa necessidade e através do grupo de apoio, resolvemos ir para as ruas". O grupo já foi para boa viagem e estava em piedade. Para facilitar no processo, os pontos sempre são próximos aos cartórios.

A orientação dada por Hollanda é para quem for fazer a assinatura, checar no título de eleitor o número da seção e da zona eleitoral. "A informação tem que ser atualizada, devido a mudança após a biometria", ressaltou.

Quando e onde assinar

O horário de funcionamento dos pontos é de acordo com o horário de funcionamento do cartório, das 9h às 17h. Nesta quinta-feira (30), o ponto será próximo ao cartório João Roma, no bairro de Santo Antônio. Na sexta-feira o ponto será na Caxangá, mas até então, o grupo não tem informações sobre o local. 

Como é feito o trabalho dos voluntários

Fernando da Cunha é coronel da reserva e também voluntário do grupo B38. Ele explicou que o trabalho feito pelo grupo é de "formiguinha". "Já colhemos perto de mil assinaturas em vários pontos e hoje estamos perto das 80, desde às 9h da manhã. Sempre temos alguém fazendo o preenchimento que é fácil, é só preencher a ficha, reconhecer a firma no cartório e nos entregar. A informação chega na sede onde está sendo estruturada a criação do partido". Ele ressaltou que a perspectiva do grupo é chegar aos 100% das assinaturas previstas para o partido concorrer nas eleições municipais. "No nosso nível, vamos conseguir chegar. Em Pernambuco, vamos chegar bem acima das cinco mil fichas previstas", comemorou. 

O engenheiro de manutenção de aeronaves Antônio Guerra, também está esperançoso com a criação do partido. “Temos que fazer o máximo de esforço porque faz um ano e um mês que a gente não é roubado e isso é fato. O governo, em consequência disso, está dando tudo certo. O Brasil está se recuperando graças ao nosso presidente Jair Bolsonaro”.

Evento 

Após embate do partido do presidente Jair Bolsonaro com a Justiça do Estado para que o Aliança Pelo Brasil pudesse usar cartórios nos eventos para coletar as assinaturas necessárias no Recife para a composição do partido, foi emitido pela Associação dos Notários e Registradores de Pernambuco (Anoreg/PE), nesta quarta-feira (29), um parecer favorável à participação dos cartórios no evento da Aliança pelo Brasil em Pernambuco, que acontece neste sábado (1), no Centro de Convenções, a partir das 14h.  

O Coronel Luiz Meira ressaltou que o trabalho da coleta de assinaturas está indo bem e que cerca de 2500 pessoas de todo o Estado estarão no evento, que serão colhidas mais assinaturas. "Vamos gerar essas fichas de apoiamento e os cartórios vão estar lá. Inclusive, ganhamos essa briga que estava acontecendo desde antes de ontem, que o juiz substituto negou a presença dos cartórios no evento, mas já conseguimos reverter. A primeira decisão saiu dizendo que não tem nenhum impedimento", ressaltou. 

Meira disse, ainda, que o evento de sábado vai contar com a presença do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em live. "Vamos selecionar 10 pessoas para fazer perguntas ao presidente e estamos muito otimistas. Já estamos perto de atingir a cota de 4600 apoiamentos em Pernambuco e com esse evento, se Deus quiser, vamos passar", comemorou. De acordo com ele, que também anunciou que os pontos de coleta de apoiamento estão acontecendo em toda a Região Metropolitana do Recife, o Aliança pelo Brasil precisa de 500 mil apoiamentos no país, a cota de cada Estado é feita dentro do coeficiente eleitoral. 

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias