PMDB

FBC e Raul Henry apresentam argumentos sobre comando do PMDB-PE

Líder do PMDB na Câmara, Baleia Rossi, se reuniu com senador e com o vice-governador antes de elaborar parecer

Paulo Veras
Paulo Veras
Publicado em 19/09/2017 às 20:05
Foto: Zeca Ribeiro/Agência Câmara
Líder do PMDB na Câmara, Baleia Rossi, se reuniu com senador e com o vice-governador antes de elaborar parecer - FOTO: Foto: Zeca Ribeiro/Agência Câmara
Leitura:

Líder do PMDB na Câmara e relator do pedido de dissolução do partido em Pernambuco, o deputado federal Baleia Rossi ouviu, nesta terça-feira (19) os argumentos do senador Fernando Bezerra Coelho e do vice-governador Raul Henry sobre o embate pelo comando da sigla no Estado.

Os dois se encontraram separadamente. FBC esteve com o deputado pela manhã e Raul Henry, presidente do partido no Estado e aliado de primeira hora do deputado federal Jarbas Vasconcelos, encontrou com Rossi no início da noite. Ambos apresentaram relatórios da situação política do PMDB no Estado.

Segundo a assessoria de Baleia Rossi, não houve definição sobre o pedido de intervenção em Pernambuco, e não há prazo para entrega do relatório que será analisado pela Executiva Nacional do partido. Os dois encontros foram descritos como "conversas rápidas", que não teriam durado mais de meia-hora.

ENTENDA

Fernando Bezerra Coelho se filiou ao PMDB no último dia 06 com a promessa do presidente nacional do partido, o senador Romero Jucá, de assumir o comando da sigla no Estado e lançar o ministro de Minas e Energia, Fernando Filho, como candidato ao Palácio do Campo das Princesas. O objetivo era tirar do governador Paulo Câmara seu principal partido aliado.

Como Jarbas Vasconcelos é um dos fundadores da legenda, porém, houve uma forte reação, não só entre os peemedebistas do Estado, como de outros diretórios. O pedido de dissolução, então, foi remetido para o deputado federal Baleia Rossi, para ser analisado e voltar para votação na Executiva Nacional.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias