CASE

Paulo Câmara entrega novas unidades da Funase no Recife e no Cabo

O investimento foi de R$ 45 milhões, para abrir 162 vagas destinadas adolescentes do sexo masculino

Kevin Fonseca
Kevin Fonseca
Publicado em 29/12/2018 às 15:22
Foto: Aluisio Moreira/SEI
O investimento foi de R$ 45 milhões, para abrir 162 vagas destinadas adolescentes do sexo masculino - FOTO: Foto: Aluisio Moreira/SEI
Leitura:

O governo do Estado entregou duas novas unidades da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) neste sábado (29). Com investimento de R$ 45 milhões, os Centros de Atendimento Socioeducativo (Case) estão localizados em Recife e no Cabo de Santo Agostinho, disponibilizando 162 vagas para adolescentes do sexo masculino que cumprem medida socioeducativa.

A Funase passa a contar com 25 unidades em Pernambuco, estando ligada à Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude (SDSCJ). "Nos próximos anos, nós vamos trabalhar muito para fazer prevenção. Colocar a educação, o esporte e a cultura cada vez mais presentes na vida dos nossos jovens", prometeu o governador Paulo Câmara.

Os Centros de Atendimento

O Case do Recife vai ficar localizado na Avenida Abdias de Carvalho, no bairro do Bongi, na Zona Oeste do Recife, tendo a capacidade de atender 90 adolescentes. O equipamento está em fase de licitação para a aquisição do mobiliário. A expectativa é de que, já em fevereiro do próximo ano, a unidade comece a receber os adolescentes.

A obra inclui a reforma do Centro de Integração Provisória (Cenip) Recife, que foi entregue em 2016. O equipamento possui capacidade para 120 socioeducandos e abriga, atualmente, 96. Ao todo, foram investidos R$ 29,8 milhões. O complexo possui a área de 7,8 mil metros quadrados.

Case Pirapama

Já o Case Pirapama, localizado cidade do Cabo de Santo Agostinho, Grande Recife, já está mobiliado e deve começar a receber os adolescentes na próxima semana. Vão ser disponíveis 72 vagas no local e a estrutura possui 3,8 mil metros quadrados e contou com um aporte de R$ 15,7 milhões.

As unidades foram construídas nos parâmetros do Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo (Sinase) e dispõem de alojamentos, quadras de esportes, salas de aula, setor de saúde e instalações administrativas.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias