Salvador

Candidato do prefeito ACM Neto entra no páreo para Prefeitura de Salvador

Vice-prefeito Bruno Reis já foi deputado por dois mandatos e é um dos nomes de maior confiança de ACM

Editoria de Política
Editoria de Política
Publicado em 07/01/2020 às 11:21
Betto Jr/CORREIO
Vice-prefeito Bruno Reis já foi deputado por dois mandatos e é um dos nomes de maior confiança de ACM - FOTO: Betto Jr/CORREIO
Leitura:

Em uma festa que reuniu centenas de lideranças comunitárias, militantes e dirigentes de diversos partidos, deputados, vereadores e secretários municipais, o DEM lançou nesta segunda-feira (6) no Hotel Fiesta, a pré-candidatura do vice-prefeito e secretário de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra), Bruno Reis, a prefeito de Salvador. Natural de Juazeiro e formado em Direito, Bruno tem 42 anos, já foi deputado estadual por dois mandatos e é um dos nomes de maior confiança do prefeito ACM Neto, de quem é amigo há mais de 20 anos.  

O encontro contou com a participação de representantes do Democratas e de partidos que integram a base do prefeito ACM Neto, além de deputados, vereadores e lideranças da capital e do estado.  O presidente da Câmara de Vereadores, Geraldo Jr. (SD), será um dos coordenadores políticos da campanha do Democrata. Bruno já conta com o apoio de 12 partidos: PSDB, PSL, Republicanos, Cidadania, PMN, DC, PTB, MDB, Solidariedade, PSC, PL e Patriota, que anteciparam o apoio ao vice-prefeito. 

O prefeito, por sinal, é considerado o mais forte cabo eleitoral na sucessão de outubro. Eleito em 2012 e reeleito em 2016 com mais de 70% dos votos válidos, Neto conta hoje com 75,2% de aprovação, de acordo com pesquisa do Instituto Paraná. O levantamento mostra ainda que ele influenciaria positivamente o voto entre a maioria dos eleitores da capital baiana. Para 52,3% dos soteropolitanos, o aval do democrata a um candidato ajudaria esse nome nas urnas. 

A definição do nome de Bruno ocorreu após intensas conversas realizadas nas últimas semanas entre Neto, o atual vice e integrantes dos partidos da base aliada ao DEM. A escolha, no entanto, já era esperada nos meios políticos. Desde que foi escolhido para vice de Neto em 2016, Bruno já vinha sendo considerado como postulante natural à sucessão do democrata e foi preparado para isso, ocupando cargos estratégicos na administração municipal. 

Durante o ato público, ACM Neto afirmou que vai participar ativamente da campanha, mas garantiu que vai focar em concluir o mandato e deixar um grande legado para Salvador.  “Nosso pré-candidato está apresentado. Ele terá a oportunidade de dialogar com a cidade, de construir seu plano de governo. E eu vou estar governando a cidade, cuidando da cidade para concluir bem nosso governo, mas é claro que também acompanhando de perto essa caminhada política. Minha preocupação até o fim desse ano vai ser completar o nosso trabalho, assegurando toda essa transformação que começou em 2013”, afirmou o democrata. 

Em seu discurso, Neto defendeu, enfaticamente, a eleição de Bruno Reis no pleito de outubro: “Chego hoje aqui com o sentimento de responsabilidade muito maior do que de há oito anos, com a consciência do dever que eu tenho com a minha cidade e com a sua população. Salvador tem a oportunidade em outubro de decidir por aquele que está preparado para governar os seus destinos. E aquele que está preparado para ser o grande prefeito chama-se Bruno Reis”. 

História 

Ainda em sua fala, o prefeito fez um breve histórico da vida pública de Bruno Reis. Destacou seus dois mandatos como deputado estadual, a participação “decisiva” nas eleições municipais de 2012 e sua atuação à frente da Secretaria de Promoção Social, Esporte e Combate à Pobreza.  “A gente sabe que uma pessoa realmente merece estar na vida pública quando ela mostra que tem habilidade para cuidar de gente. E foi isso que Bruno mostrou como secretário. A sua vocação é essa, servir a quem mais precisa”, afirmou. 
 

Últimas notícias