finanças

Como está o seu planejamento financeiro para 2021?

á parou pra pensar e botar isso no papel, no computador? É importante analisar como foi o seu ano até aqui, as oportunidades de melhoria, o que continuar ou não, que novidades trazer em 2021 e traçar metas, planos

Leandro Trajano
Leandro Trajano
Publicado em 27/12/2020 às 2:00
ARTESJC
COLUNA DINHEIRO - FOTO: ARTESJC
Leitura:

Reta final deste ano, 2020, um ano extremamente diferente em todo o mundo. Uma pandemia que, até então, a nossa geração não tinha enfrentado algo dessa proporção, e nos mostramos despreparados para isso. Vivemos um momento de crise de liderança, isso se evidenciou de várias formas ao longo desse ano, mas 2021 já está batendo na porta, e o começo dele não deve ser muito diferente.

No Brasil, diferente de grandes países, o clima de incerteza se agrava devido à falta de planejamento, decisão efetiva quanto à vacina, que se tornou algo político, e com isso a perda de tempo, de foco e de efetividade. Um país com dimensões continentais, com uma população enorme e que levará um bom tempo até ter boa parte da população vacinada. Sim, o Brasil é um país grande, mas ainda não entrou no trilho para ser um grande país.

Mas e você, o que está planejando para 2021? Já parou pra pensar e botar isso no papel, no computador? É importante analisar como foi o seu ano até aqui, as oportunidades de melhoria, o que continuar ou não, que novidades trazer em 2021 e traçar metas, planos. Caso contrário, como querer um resultado diferente no próximo ano, se você não tem planos diferentes para isso? Como dizia Einstein: "Loucura é querer resultados diferentes fazendo tudo exatamente igual!".

E foi exatamente sobre isso que conversei recentemente com um amigo, ele estava falando sobre os desafios enfrentados esse ano, as dificuldades, angústias e realidade. Quando perguntei como estavam os planos para 2021, o silêncio pairou no ar... cri, cri, cri.

Claramente, ele não tinha planos para o ano que está chegando, e não só ele, boa parte das pessoas tem seus desafios, carmas, dificuldades, ansiedade, angústias e o que parece é que tudo isso paralisa. Mas o brasileiro é otimista, e acredita que as coisas vão mudar, mas em que direção, se você não está se movimentando pra isso? Termina igual a uma folha seca arrastada pelo vento, sem sentido e sem direção, facilmente levada de um lado a outro. E assim vejo muitos empreendedores, empresários e mais pessoas.

Não estou dizendo que é fácil se organizar, de forma alguma, pois o dia a dia pesa, a rotina de empreender consome, é em muitos momentos bastante solitária, eu sinto essa dor, acúmulo de tarefas, furacão, solidão, desafios, tumulto e mais... Porém, é fundamental parar e respirar, observar os fatos e tirar suas conclusões, erros, acertos, ajustes e direcionamento, pra frente, pra cima e correr atrás, procurar fazer acontecer. Digo sempre: em muitos momentos, é necessário lançar a flecha e correr pra desenhar o alvo.

Te convido então a parar, pensar, refletir, ser grato, reconhecer e perceber o que foi positivo, negativo, as oportunidades de melhoria e quais os seus objetivos, as prioridades para o ano que está chegando, e isso pode ser feito de forma ampla, digo, no âmbito pessoal, familiar e profissional. É preciso dedicar tempo, e fazer disso parte de sua rotina, que naturalmente trará oportunidades de crescimento em todos os sentidos.

E essa época é bem propícia para isso, pois no fim de ano há um marco emocional de virada de página, renovação, recomeço, reciclagem, mas se você fizer isso de forma aleatória, automática, estará na mesma pista e com o mesmo carro quando a "corrida" recomeçar.

E aí, como andam os planos para 2021, o que te motiva? O que é preciso mudar para avançar? O que sai e o que entra para que você tenha mais condições de atingir o resultado que deseja?

Por fim, lembre-se dos pontos de checagem, momentos para tirar a temperatura, isto é, de três em três meses, por exemplo, é importante fazer o acompanhamento e ver se o que você traçou está sendo cumprido ou não, e de acordo com isso, se necessário, ajustar as velas.

Que venha 2021, que chegue a vacina e que os nossos corações estejam em paz e prontos para viver com alegria e harmonia.

Abraço e até a próxima!

 

Artes JC
Coluna dinheiro - FOTO:Artes JC

Comentários

Últimas notícias