COLUNA ENEM E EDUCAÇÃO

Inep promete divulgar notas do Enem na próxima segunda-feira (29). Veja vagas do Sisu para Pernambuco e entenda o bônus na nota do Enem

Candidatos terão acessos às suas notas individuais nas quatro provas objetivas e na redação

Margarida Azevedo
Margarida Azevedo
Publicado em 24/03/2021 às 15:32
Notícia
Marcello Casal Jr/Agência Brasil
Novidade deste ano foi a realização do Enem digital - FOTO: Marcello Casal Jr/Agência Brasil
Leitura:

Acaba na próxima segunda-feira (29) a expectativa de 2,5 milhões de candidatos que participaram do Exame Nacional do Ensino Médio 2020. É nesta data que o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) promete liberar as notas individuais de todos os participantes.

A edição 2020 da avaliação contou com três aplicações: a regular, nos dias 17 e 24 de janeiro, com cerca de 2,4 milhões de candidatos; a do novo formato digital, em 31 de janeiro e 7 de fevereiro, que contou com aproximadamente 26 mil participantes; e a reaplicação para quem teve problemas de logística, estava com covid-19 nas outras datas e para os privados de liberdade, em 23 e 24 de fevereiro. Esse grupo somou 63 mil presentes.

>> UFPE suspende atividades presenciais até 5 de abril em todos os campi

>> Inscrição para participar de sorteio de vagas do Colégio de Aplicação da UFPE começa dia 26 de março

O JC perguntou à assessoria de comunicação do Inep se havia perspectiva de antecipação do resultado. A assessoria apenas confirmou que as notas serão liberadas no dia 29, conforme cronograma divulgado pelo órgão e pelo Ministério da Educação (MEC) desde quando as provas foram realizadas.

Com as notas do Enem os estudantes poderão concorrer a 209.190 vagas do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), cujas inscrições serão de 6 a 9 de abril. Os candidatos já podem consultar as vagas, que estão distribuídas em 5.685 cursos de graduação de 110 instituições públicas de educação superior. O listão do Sisu será liberado em 13 de abril.

Para os feras de Pernambuco, a boa notícia é que haverá bônus na nota do Enem, um acréscimo de 10% na média geral, para quem concorrer ao curso de medicina na UFPE, no câmpus Recife. Na UPE o bônus vale para os cursos de medicina, direito e odontologia.

Veja, abaixo, como usar a nota do Enem, quantas vagas haverá no Sisu para Pernambuco, quando começará o ano letivo nas unidades do Estado e como funciona o bônus.

O que fazer com a nota do Enem

Sistema de Seleção Unificada (Sisu)

Seleciona estudantes para vagas em instituições públicas de ensino superior. Para concorrer, os candidatos não podem ter tirado zero na prova de redação. O Sisu geralmente tem duas edições no ano. De Pernambuco, participam as quatro universidades federais - UFPE, UFRPE, UFAPE e Univasf - e a estadual UPE. Também os dois institutos federais, IFPE e IF do Sertão

Programa Universidade para Todos (Prouni)

Programa do governo federal que oferece bolsas de estudos em instituições privadas de ensino superior para jovens que estudaram em escola pública. As bolsas podem ser integrais ou parciais (50% da mensalidade). É preciso também não ter zerado a redação do Enem e ter obtido, no mínimo, 450 pontos na média das notas das provas objetivas. A seleção das bolsas da primeira edição do ProUni deste ano já ocorreu e usou as notas do Enem 2019. Uma segunda edição deve acontecer no meio do ano

Fundo de Financiamento Estudantil (Fies)

O Fies é o programa do governo federal que tem como meta facilitar o acesso ao crédito para financiamento de cursos de ensino superior oferecidos por faculdades privadas. O candidato tem que no Enem obter média aritmética das notas nas provas igual ou superior a 450 pontos e não zerar a redação. Também é necessário possuir renda familiar mensal bruta, por pessoa, de até 3 (três) salários mínimos.

Vestibulares em faculdades particulares

A maioria das faculdades privadas usa a nota do Enem em seus processos seletivos. As regras dependem de cada instituição

Graduação em Portugal

Atualmente, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) tem convênio com 51 instituições de ensino em Portugal. Cada universidade define as regras e os pesos para uso das notas. A lista das instituições está disponível no portal do Inep.

VAGAS DO SISU EM PERNAMBUCO

UFPE

6.922 vagas no total
5.472 no Recife
1.020 em Caruaru
430 em Vitória de Santo Antão


UFRPE

3.840 vagas no total
2.200 no Recife
720 em Serra Talhada
600 no Cabo de Santo Agoatinho
320 em Belo Jardim


UPE

1.740 vagas no total
745 no Recife
315 em Petrolina
245 em Nazaré da Mata
225 em Garanhuns
50 em Camaragibe
45 em Caruaru
45 em Palmares
35 em Arcoverde
25 em Salgueiro
10 em Serra Talhada


UFAPE

560 vagas no total, todas em Garanhuns

Univasf

1.610 no total (800 em Pernambuco, 640 na Bahia e 170 no Piauí)
720 em Petrolina
80 em Salgueiro
420 em Juazeiro (BA)
180 em Senhor do Bonfim (BA)
40 em Paulo Afonso (BA)
170 em São Raimundo Nonato (PI)


IFPE

465 vagas no total
305 no Recife
160 em Pesqueira


IF Sertão-PE

402 vagas no total
177 em Petrolina
90 em Salgueiro
70 em Serra Talhada
40 em Santa Maria da Boa Vista
25 em Floresta

Início do ano letivo de 2021

UPE: 13 de outubro
UFPE: 20 de setembro
UFRPE: Previsão de ser em 1º de fevereiro de 2022
UFAPE: Segue a UFRPE
Univasf: 24 de novembro (previsão)
IFPE: a partir de 22 de março (depende de cada câmpus). Mas as vagas do Sisu só são para cursos de segunda entrada, ou seja, com início das aulas a partir de 25 de agosto (cada unidade define). No Recife deve ser na segunda quinzena de setembro
IF Sertão-PE: a partir de 20 de abril, de acordo com cada unidade acadêmica

BÔNUS NO ENEM

Prevê o acréscimo de 10% na média final do Enem para:

UFPE

* Recife
Apenas para o curso de medicina. O candidato deve ter cursado e concluído todo o ensino médio em escolas regulares e presenciais de Pernambuco (pública ou privada). Também precisa morar no Estado

* Vitória de Santo Antão e Caruaru
Vale para todos os cursos. Ganham o bônus os estudantes que tiverem cursado e concluído todo o ensino médio em escolas regulares e presenciais das mesorregiões da Zona da Mata Pernambucana e do Agreste Pernambucano e que residam nessas regiões

UPE

* Recife
Válido para os cursos de medicina, odontologia e direito. O candidato deve ter estudado todo o ensino medio em Pernambuco. Também precisa morar no Recife, Região Metropolitana ou na Zona da Mata

* Garanhuns e Serra Talhada
Exclusivo para o curso de medicina. Além de haver feito todo o ensino médio no Estado, o candidato deve residir no Agreste, no caso das vagas de Garanhuns, ou no Sertão, no caso das vagas de Serra Talhada

* Arcoverde
Vale para odontologia e direito. O vestibulando também deve ter estudado o ensino médio em Pernambuco. Sua residência tem que ser em alguma cidade do Sertão

 

Comentários

Últimas notícias