COLUNA ENEM E EDUCAÇÃO

Inscrição Sisu 2022: disputa começa nesta terça. Veja universidades de Pernambuco que adotam bônus no Enem

Para Pernambuco são 15.156 vagas. No País serão 221.790. Vale conferir como as universidades do Estado adotam bônus na média do Enem

Margarida Azevedo
Margarida Azevedo
Publicado em 14/02/2022 às 17:20
FELIPE RIBEIRO/JC IMAGEM
Só pode concorrer a vagas no Sisu o candidato que fez o Enem 2021 e não tirou zero na prova de redação - FOTO: FELIPE RIBEIRO/JC IMAGEM
Leitura:

Começam nesta terça-feira (15) e vão até sexta-feira (18) as inscrições no Sistema de Seleção Unificada (Sisu), portal coordenado pelo Ministério da Educação (MEC) que substitui o vestibular e usa a nota do Enem para o ingresso em graduações. Nesta edição, os estudantes concorrem a 221.790 vagas em cursos oferecidos em 125 instituições públicas de ensino superior. Quem fez o Enem ano passado e não tirou zero na prova de redação pode participar.

De Pernambuco, as cinco universidades públicas (quatro federais e uma estadual) integram o Sisu: UFPE, UFRPE, Univasf e UFAPE, além da UPE. Também os dois institutos federais, IFPE e IF do Sertão Pernambucano. Serão 15.156 vagas no Estado.

Uma das novidades, segundo o MEC, é que o acesso ao sistema de inscrição do Sisu será realizado com login único do governo federal. É preciso criar uma conta no endereço gov.br. Todas as vagas são distribuídas obedecendo a Lei de Cotas (Lei 12.711/2012), que determina que nas instituições federais, ao menos metade das vagas em cada universidade ou instituto deve ser destinada a egressos de escolas públicas (devem ter cursado todo o ensino médio da rede pública).

Vale ficar atento também às políticas afirmativas adotadas por algumas instituições, como a oferta de bônus na nota do Enem.

No Estado, a Universidade Federal de Pernambuco é a que tem mais vagas, 7.012. A Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) terá 3.820 vagas, enquanto a UPE vai ofertar 1.740 vagas. Na Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) serão 1.610 vagas. A Universidade Federal do Agreste de Pernambuco disponibilizará 560 vagas. No IFPE são 425 vagas e no IF do Sertão Pernambucano, 799.

Cada estudante, ao se inscrever, pode concorrer a até dois cursos. A inscrição é toda online e enquanto estiver aberta o vestibulando pode alterá-la quantas vezes quiser. Quando o sistema fechar, às 23h59 de sexta-feira, valerá a última que o candidato realizou. Uma vez por dia, a partir de quarta-feira, o sistema libera a nota de corte dos cursos escolhidos pelo candidato e posição que ele está em relação ao total de vagas. Por isso, é importante acessar o sitema nos quatro dias para conferir a posição e, se for o caso, mudar.

BÔNUS

Há bônus de 10% no Enem na UPE apenas para os cursos de medicina, direito e odontologia. Para os ofertados no Recife, pode ser requerido por qualquer jovem que estudou e mora no Recife, Região Metropolitana ou na Zona da Mata.

Em Garanhuns, onde há curso de medicina, o bônus será dado a quem estudou e reside no Agreste do Estado. Para medicina de Serra Talhada, e os cursos de odontologia e direito ofertados em Arcoverde, o benefício será dado aos jovens que fizeram o ensino médio no Sertão pernambucano e que vivem nessa região do Estado.

Na UFPE, o acréscimo é de 7% (era 10% também) para feras de medicina do Recife e que estudaram o ensino médio no Estado. Permanece 10% para o candidato, independente da escolha do curso, que estudou na Zona da Mata ou no Agreste, em escola pública ou privada, e concorra aos cursos de Vitória de Santo Antão ou Caruaru.

Uma novidade na UFPE é o bônus de 3% para o candidato que cursou dois terços do ensino médio em escolas da Zona da Mata ou do Agreste e que vai concorrer às graduações de Vitória ou Caruaru.

O mesmo percentual será concedido para concorrentes do curso de medicina, no Recife, que tiverem cursado e concluído no mínimo 2/3 do ensino médio (dois anos completos dos três anos previstos) nas escolas regulares e presenciais no Estado de Pernambuco.

Na UFRPE e na UFAPE, o benefício de 10% a mais no Enem é para o jovem que fez ensino médio no Agreste ou no Sertão e deseja ingressar em Garanhuns (no caso da UFAPE) ou Serra Talhada (no caso da UFRPE).

A Univasf vai oferecer bônus pela primeira vez no Sisu. O vestibulando que cursou todo o ensino médio em cidade localizada nas regiões de atuação da universidade terá também 10% no Enem. A relação dos municípios contemplados está disponível no site da instituição.

Comentários

Últimas notícias