fortunas

12 deputados do PL contrariam partido e votam pela aprovação da taxação dos super-ricos

Projeto recebeu 323 votos favoráveis pela taxação das grandes fortunas e segue para o Senado Federal

Imagem do autor
Cadastrado por

Rodrigo Fernandes

Publicado em 26/10/2023 às 14:40
Notícia
X

Mesmo após o Partido Liberal indicar posição contrária à taxação dos "super-ricos", 12 deputados da sigla do ex-presidente Jair Bolsonaro votaram a favor da pauta, aprovada na última quarta-feira (26) na Câmara dos Deputados.

Ao todo, o projeto recebeu 323 votos favoráveis pela taxação das grandes fortunas. Agora, a pauta segue para o Senado Federal.

A taxação dos super-ricos é a tributação dos fundos exclusivos, ou seja, que possuem poucos cotistas, e que vai impor cobranças tributárias de grandes fortunas no país, concentradas em uma pequena parte da população mais abastada.

Veja a lista de deputados do Partido Liberal que votaram a favor da taxação das grandes fortunas:

  • Daniel Agrobom (GO);
  • Ícaro de Valmir (SE);
  • Jorge Goetten (SC);
  • João Maia (RN);
  • João Carlos Bacelar (BA);
  • Luciano Vieira (RJ);
  • Junior Lourenço (MA);
  • Matheus Noronha (CE);
  • Rosângela Reis (MG);
  • Samuel Viana (MG);
  • Robinson Faria(RN) ;
  • Tiririca (SP).

Na votação, apenas o Partido Liberal e o Novo orientaram voto contrário à aprovação da pauta.

Os nomes dos deputados do PL que contrariaram o partido são considerados distantes da ala extremista ligada ao bolsonarismo. Esses parlamentares já votaram com o governo em outras ocasiões.

A aprovação do texto é vista como uma vitória do governo Lula.

Veja mais conteúdo:

Tags

Autor