Opinião

CPI da Covid-19 perdeu a graça e já está mais que na hora de encerrar os trabalhos

Não faz sentido esticar ainda mais a corda que já está torando - como se diz no interior de Pernambuco

Romoaldo de Souza
Romoaldo de Souza
Publicado em 23/09/2021 às 6:48
Análise
PEDRO FRANÇA/AGÊNCIA SENADO
CPI da Covid no Senado - FOTO: PEDRO FRANÇA/AGÊNCIA SENADO
Leitura:

A CPI da Covid-19 perdeu a graça e já está mais que na hora de encerrar os trabalhos, aprovar o quanto antes o relatório e pedir ao Ministério Público que dê andamento nas investigações. Doa em quem doer.

O que é possível constatar é que os trabalhos de interrogatórios na CPI já “quebraram a barreira do som”, e por isso mesmo não têm mais nenhuma ressonância. Não têm mais repercussão.

A sociedade já se cansou dos personagens que sempre aparecem, seja para defender o governo — sim, pode acreditar, mas tem senadores que defendem o governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Ou o grupo majoritário que está ali para desconstituir o governo.

É claro que o grupo que gosta de espetáculos só vai se acalmar depois que ouvir o depoimento da ex-mulher e do filho caçula do presidente da República. Quem sabe levar novamente ao banco dos depoentes o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, e o ex, general Eduardo Pazuello. Mas aqui entre nós, que novidades a CPI vai arrancar desses depoimentos? Nada. Então, não faz sentido esticar ainda mais a corda que já está torando - como se diz no interior de Pernambuco.

Pense nisso!

Comentários

Últimas notícias