VIOLÊNCIA

Homicídios voltam a crescer em Pernambuco no mês de novembro, aponta SDS

No total, oficialmente, 304 pessoas foram assassinadas no Estado. Uma média de dez vítimas por dia

Raphael Guerra
Raphael Guerra
Publicado em 15/12/2021 às 16:49
BETO DLC/TV JORNAL
No acumulado do ano, o Estado conseguiu uma redução de 11,2% nos assassinatos - FOTO: BETO DLC/TV JORNAL
Leitura:

Os Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs), que englobam os homicídios e latrocínios, voltaram a crescer em Pernambuco no último mês de novembro. De acordo com estatísticas divulgadas pela Secretaria de Defesa Social (SDS), nesta quarta-feira (15), 304 pessoas foram mortas de forma violenta. Uma média de dez vítimas por dia. No mesmo período de 2020, foram 293 assassinatos. Aumento de 3,75%. 

Apesar do aumento registrado no mês de novembro, a SDS afirma que houve queda no índice de CVLIs no acumulado do ano. De janeiro a novembro, foram 3.070 assassinatos contra 3.457 nos primeiros 11 meses de 2020. A queda é de 11,2%. Importante destacar que a meta do Pacto pela Vida é de redução anual de 12%. 

O Recife oscilou para cima no acumulado do ano. Foram 520 mortes violentas nos 11 primeiros meses de 2021, contra 513 no mesmo período de 2020. Diferença de 1,36%.

“O ano de 2021 foi de muitos desafios e também de intenso trabalho. Tivemos a retomada das atividades, em confrontação com um ano anterior de isolamento social, e mesmo assim estamos com indicadores mais baixos de criminalidade. Estamos atuando com total empenho para que este ano, ao terminar, seja o de menor taxa de CVLI por 100 mil habitantes da história do Pacto pela Vida. As forças de segurança prenderam, em 11 meses, 2.200 acusados de homicídios. Os crimes patrimoniais estão se mantendo em níveis abaixo dos registrados em 2021, um ano de expressiva redução em relação ao mesmo período anterior”, aifrmou, em nota, o secretário de Defesa Social, Humberto Freire.

Comentários

Últimas notícias