Dicas e informações de viagens, férias e turismo
Turismo de Valor

Descubra dicas de viagem e roteiros para as férias, além dos destinos e atrações que estão em alta no turismo.

CORES E SABORES

Jaboatão: as histórias das principais igrejas em um roteiro religioso

O tour foi realizado na Basílica de Nossa Senhora Auxiliadora, na Igreja de Nossa Senhora de Piedade e nas ruínas da Igreja do Rosário dos Homens Pretos.

Leonardo Vasconcelos
Cadastrado por
Leonardo Vasconcelos
Publicado em 06/10/2021 às 7:32 | Atualizado em 06/10/2021 às 7:54
TV Jornal / Divulgação
A Basílica de Nossa Senhora Auxiliadora fica localizada na Colônia dos Padres, no bairro Vila Rica. - FOTO: TV Jornal / Divulgação
Leitura:

Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife, tem várias igrejas importantes que fazem parte da história de Pernambuco. Além da Igreja de Nossa Senhora dos Prazeres dos Montes Guararapes, mostrada na última reportagem, outras tem destaque e carregam curiosidades desconhecidas de muitos. Elas foram tema de reportagem do Programa Cores e Sabores de Jaboatão que foi ao ar no último sábado na TV Jornal.

Entre as igrejas destacadas estão a Basílica de Nossa Senhora Auxiliadora, localizada na Colônia dos Padres, no bairro Vila Rica, erguida em 1915. Logo baixo dela fica a linda Gruta de Nossa Senhora de Lourdes. “Quando o Padre Giordano chegou na colônia o formato da rocha chamou muito a atenção dele então ele decidiu fazer um monumento, algo artístico no local, e assim foi construída a basílica”, contou a funcionária Daysyanne Dantas. As visitas no local podem ser agendadas pele telefone (81) 3481.0322.

Além dela, o roteiro religioso passou ainda pelas ruínas da Igreja do Rosário dos Homens Pretos, no bairro de Muribeca. Não se sabe ao certo o ano de sua construção, mas historiadores garantem que foi no início do século XVIII. O radialista José Virgínio mora bem em frente ao local e não esconde o orgulho. “É um monumento histórico aqui em Muribeca. Uma igreja construída com muita determinação e fé pelos antigos escravos. Uma honra tê-la como vizinha”, disse.

O tour de fé se encerrou na Igreja de Nossa Senhora de Piedade, no bairro de mesmo nome, ou Igrejinha de Piedade, como é carinhosamente chamada. Construída em 1683, ela é tombada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). “Um templo barroco, colonial, muito importante para a cidade. Ela atrai não apenas pernambucanos, mas turistas do Brasil todo. Aqui eles se encantam e se sentem acolhidos” afirmou o frei Leandro Alencar.

Comentários

Últimas notícias