coronavírus

Coronavírus esvazia academias, boxes de crossfit e parques

Por conta do coronavírus as pessoas estão evitando sair de casa. Resultado é o esvaziamento de parques, academias e boxes de crossfit

Gabriela Máxima
Gabriela Máxima
Publicado em 17/03/2020 às 12:39
Notícia
 IRANDIR SOUZA/PCR
Parques do Recife estão vazios por conta do coronavírus. - FOTO: IRANDIR SOUZA/PCR
Leitura:

Lugares frequentemente procurados por quem busca saúde e bem-estar, academias, boxes de crossfit e parques públicos ficaram vazios na manhã desta terça-feira, um dia após a prefeitura do Recife suspender as atividades das Academias da Cidade e Recife a partir da próxima quarta-feira e recomendar que as privadas façam o mesmo. Atenta ao número crescente de casos do coronavírus, são mais de 300 no Brasil, a população tem optado por seguir as recomendações das autoridades e permanece o máximo de tempo em casa.

>> Impasse entre academias do Grande Recife sobre suspensão das atividades por conta do coronavírus 

Este é o caso da auxiliar administrativa Lívia Falcão, que só saiu de casa por conta do trabalho e aproveitou para treinar. A partir da quarta-feira, ela disse que vai paralisar os exercícios para proteger sua saúde. 

"De fato, devido a situação não só da pandemia, mas porque Pernambuco é um estado propício a isso a ter epidemias de vírus. Infelizmente vou ter que abdicar de meus treinos em questão da saúde. Porque o coronavírus é algo a se preocupar. Com estudar, como tratar? Eu já vinha tomando antes. Quando chego na academia eu lavo minhas mãos e rosto. Antes de subir para a área da musculação eu uso álcool gel na entrada, faço a assepsia das mãos. Depois eu tomo banho, troco toda a roupa que treinei. Quando chego em casa faço a mesma coisa", disse Lívia.

Os parques da cidade também estão vazios. As pessoas estão evitando transitar em lugares que apresentam muita movimentação. O Parque da Jaqueira, localizado na Zona Norte, é ponto de encontro de centenas de corredores, mas nesta terça-feira (17) os atletas não arriscaram sair de casa. A tendência é que a cidade fique cada vez mais vazia. Pernambuco tem atualmente 18 casos confirmados. No Brasil, são mais 300. A primeira morte no País aconteceu nesta terça-feira, em São Paulo

Comentários

Últimas notícias