TV

Henri Castelli aparece com rosto machucado e revela que foi agredido

Anteriormente, o ator disse ter sido internado após um acidente na academia; ele teve a mandíbula fraturada

JC
JC
Publicado em 12/01/2021 às 7:38
Notícia

REPRODUÇÃO
O global passou por cirurgia para restaurar a mandíbula, que foi fraturada na ocasião - FOTO: REPRODUÇÃO
Leitura:

O ator Henri Castelli contou, nessa segunda-feira (11), nos stories do Instagram, que sofreu uma agressão no final do ano. Ainda em 2020, alguns veículos de comunicação haviam informado que o ator tinha dado entrada no Hospital Santa Casa de Alagoas após se envolver em briga e ter a mandíbula fraturada. Na época, ele alegou que a internação se devia a um acidente na academia.

Agora, no entanto, o global revelou a verdade, e se emocionou ao contá-la. “Vocês devem ter visto que eu dei entrada na Santa Casa de Alagoas no final do ano por ocasião de um acidente na academia. Mas a verdade é que não foi um acidente e não foi na academia. Eu fui agredido covardemente, sem que eu pudesse reagir ou me defender”.

Ele explicou que mentiu para não assustar sua mãe e familiares. “Minha assessora me ligou perguntando por que eu havia ido ao hospital. Decidimos falar sobre o acidente na academia para não assustar a minha família. Minha mãe só soube de tudo quando eu voltei do hospital”.

Ao site Hugo Gloss, ele contou que não conhecia os agressores antes do episódio. “Eu estava com alguns amigos e, do nada, fui puxado pelas costas, pelo pescoço, jogado no chão e agredido. Vítima de socos e chutes no rosto, que levaram a uma fratura exposta na minha mandíbula. A impressão que eu tinha é de que minha boca estava pendurada naquele momento”.

Ainda no caminho do hospital, ele começou a perceber a gravidade do seu caso. "Liguei imediatamente para minha dentista que me orientou a ir para um hospital mais próximo”, recordou. A dentista responsável pelo ator acompanhou todo o atendimento virtualmente junto da equipe alagoense. “O médico e sua equipe que foram espetaculares, agradeço aqui publicamente”, frisou.

O artista explicou que os profissionais amarraram sua boca com um fio de aço, assim ele poderia fazer a cirurgia em São Paulo junto de sua dentista. As fotos desse período também foram compartilhadas com os seguidores. Antes de voltar para casa, Henri ainda precisou viajar para Fernando de Noronha, onde tinha outros compromissos profissionais agendados previamente.

O global diz ter ido ao Instituto Médico Legal (IML) realizar o exame de corpo de delito e registrou boletim de ocorrência em uma delegacia. Além disso, afirma que os agressores já foram identificados, e alguns já foram chamados: “Já naquele momento foi possível identificar os agressores. Alguns já foram chamados para prestar esclarecimentos”.

Comentários

Últimas notícias