Artesanato

Governo de Pernambuco anuncia adiamento da Fenearte 2021, por causa da pandemia; veja novas datas

Números altos de infecções e mortes motivaram a decisão e a feira deve ser transferida para setembro

Márcio Bastos
Márcio Bastos
Publicado em 24/05/2021 às 10:36
Notícia
JC IMAGEM
Fenearte 2021 deve ter formato modificado para não deixar artesãos desamparados - FOTO: JC IMAGEM
Leitura:

* Matéria atualizada às 12h12

A 21ª edição da Feira Nacional de Negócios do Artesanato (Fenearte), prevista para acontecer em julho, foi adiada. Segundo informações adiantas pelo Blog do Jamildo, o Governo de Pernambuco optou por mudar a data por conta da alta nos números de infecções e mortes motivas por covid-19.

A informação das novas datas foi confirmada pela AD Diper, nesta segunda-feira (24). Agora, o evento tem previsão de ser realizado entre os 15 a 26 de setembro. O tema desta 21ª edição é o Movimento Armorial. Este ano também será comemorado o cinquentenário do romance “A Pedra do Reino”, de autoria de Ariano, lançado em 1971.

 

Em 2020, o evento não foi realizado por conta da pandemia. A feira tradicionalmente ocorre no Centro de Convenções de Pernambuco, onde reúne milhares de pessoas, e é considerada uma das principais do setor na América Latina.

Financiamento

A AD Diper facilitou o pagamento para os artesãos que pretendem adquirir o estande à vista. Para esses, 30% do valor deve ser pago no ato da assinatura do contrato; e os 70% restantes para serem pagos até o dia 10 de setembro.

Além disso, em parceria com a Agência de Empreendedorismo de Pernambuco - AGE , o estande poderá ser financiado em até 9 parcelas, com juros abaixo do mercado. A cobrança da primeira parcela ocorrerá somente no início de outubro - após a realização da Feira.

Todos os expositores pernambucanos selecionados para a Fenearte 2021 também poderão solicitar a linha de financiamento para microcrédito. A liberação do valor depende da análise de crédito.

Com cerca de 463 mil infecções desde o início da crise sanitária, Pernambuco vive um momento delicado em relação à pandemia. Só no último domingo (23), foram dois mil novos casos de covid-19 registrados no estado.

Histórico

A primeira Fenearte foi realizada em julho de 2000 e desde então se tornou referência internacional. Durante sua realização, o evento costuma gerar renda para cinco mil expositores, além de repercutir na criação de redes de negócios para além da feira. A última edição aconteceu em julho de 2019, no pavilhão do Centro de Convenções, em Olinda, e homenageou três grandes cirandeiros: Mestre Baracho, falecido em 1988; Dona Duda e Lia de Itamaracá, esta última patrimônio vivo de Pernambuco.

Comentários

Últimas notícias