CRÍTICAS

Israel Filho cobra políticas para classe artística após cancelamento do São João de Caruaru 2020

Cantor e compositor alega que artistas estão passando necessidades e precisam de ajuda do poder público

JC JC
JC
JC
Publicado em 30/05/2020 às 14:01
Notícia
DIVULGAÇÃO
Cantor e compositor pernambucano Israel Filho - FOTO: DIVULGAÇÃO
Leitura:

O cantor e compositor pernambucano Israel Filho criticou, em entrevista à Rádio Jornal Caruaru, a falta de políticas públicas voltadas para a classe artísticas durante o momento de pandemia do novo coronavírus, motivo do cancelamento do tradicional São João de Caruaru de 2020, e alega que muitos artistas estão passando necessidades.

Ele diz reconhecer a necessidade da proteção individual e coletiva neste momento. "A nossa profissão, em uma hora dessas, torna-se supérflua, porque a prioridade máxima da humanidade se chama sobrevivência, depois, saúde. A gente sabe que a coisa é muito séria. eu fico em casa, mas não tem quem faça as coisas por mim, quando há necessidade de sair, eu saio com as devidas precauções".

Israel também expôs a politização feita sobre as medidas de contenção do novo coronavírus. "O ruim de tudo isso é que virou uma guerra política. Eu acho que as coisas políticas jamais deveriam perdurar durante isso, que deveria ter a união do povo", defendeu.

E, por fim, cobra uma ação em nome de todos que estão passando necessidades e que os políticos trabalhem para o povo. "Você tem que começar a trabalhar nem que seja para você não ficar em casa morrendo de fome. essa guerra política não leva a nada. Esses políticos que não sabem fazer a política verdadeira e real, que é a da boa vizinhança, com o olhar voltado para o povo".

Resposta da Prefeitura de Caruaru

Por meio de nota, a Fundação de Cultura e Turismo de Caruaru afirmou que a edição deste ano do São João da cidade terá como base a solidariedade. "As ações que serão desenvolvidas buscarão contemplar todos os artistas do município que foram prejudicados pelo cancelamento da festa, bem como as pessoas que fazem parte da cadeia produtiva do São João. Todos os detalhes serão apresentados na próxima semana, pela Prefeitura de Caruaru", informa o comunicado.

São João pode ser online

No dia 8 de maio, junto ao anúncio da impossibilidade da realização da festa na "capital do forró" de forma presencial, a Prefeitura de Caruaru informou que discute com os patrocinadores para realiza-la via internet. No entanto, a prefeita Raquel Lyra (PSDB) informou que ainda não havia definição de formato para a festa online. A reportagem do JC tenta contato com a prefeitura da cidade para saber se há novas definições sobre a festa, mas ainda não obteve resposta.

Procurado pela reportagem do JC no dia 25 de maio, o Governo de Pernambuco disse não ter um posicionamento sobre o possível adiamento do São João. A Prefeitura do Recife informou, em nota, que as definições sobre o São João "serão anunciadas em momento oportuno". Já a Prefeitura de Caruaru, no Agreste do Estado, afirmou que "as equipes estão estudando um modo para viabilizar as apresentações dos grupos de cultura popular" e que "não haverá evento público em virtude da pandemia da Covid-19."

O jornalismo profissional precisa do seu suporte.

Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias