MERCADO IMOBILIÁRIO

Saiba como financiar a casa própria pelo aplicativo da Caixa

Banco agora permite cadastro, avaliação e concessão de forma digital para todos os clientes

JC
JC
Publicado em 19/10/2020 às 16:19
Diego Nigro/Acervo JC Imagem
Prédios no bairro de Boa Viagem, Zona Sul do Recife - FOTO: Diego Nigro/Acervo JC Imagem
Leitura:

A partir desta segunda-feira (19), a Caixa Econômica Federal está liberando para todos os clientes a possibilidade de financiar a casa própria de forma majoritariamente digital. Pelo aplicativo Habitação Caixa, o usuário terá acesso a um serviço interativo, que abrange todas as fases do financiamento, desde o cadastro até a aprovação.

De acordo com a Caixa, o possível mutuário poderá acompanhar de perto todas as etapas do seu processo habitacional "de forma simples e intuitiva" e, se necessário, resolver pendências pelo próprio aplicativo.

Com todas as etapas concluídas na plataforma digital, o usuário precisará ir até uma agência apenas para a assinatura do contrato. A ideia principal é facilitar o processo de contratação para o cliente e trazer mais agilidade e segurança ao processo de financiamento habitacional.

Como fazer:

Para solicitar um financiamento, basta o cliente baixar o aplicativo, efetuar a simulação de crédito e escolher a melhor condição apresentada. Nesta etapa, ele pode ajustar os valores de entrada, o prazo, o indexador da taxa de juros, o sistema de amortização e a prestação máxima pretendida.

Na sequência, o usuário realiza seu cadastro e dos demais participantes da proposta, informa o município e o valor do imóvel. O envio de todos os documentos necessários à operação é feito pela plataforma, bem como a escolha do canal de atendimento, que poderá ser a agência digital ou um correspondente Caixa Aqui. A agência física onde será assinado o contrato também é escolhida pelo cliente via app.

Enviada a proposta, o cliente acompanha todo o processo no ambiente virtual. Podendo saber se a sua proposta foi recebida, a ocorrência de pendências documentais e o resultado de sua avaliação de crédito. Também é possível acessar o boleto para pagamento da tarifa inicial de avaliação do imóvel pretendido e conferir o resultado do laudo.

O usuário pode acompanhar ainda, de forma online, a liberação dos recursos da sua conta vinculada do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), em caso de utilização como entrada no financiamento, bem como a data prevista para assinatura do contrato. O app está disponível nas versões Android e IOS. 

Financiamentos na Caixa

Retomando espaço na oferta de crédito imobiliário, a Caixa Econômica Federal chegou a uma carteira de R$ 500 bilhões no segundo semestre deste ano. O banco passa a oferecer, a partir do próximo dia 22, contratos indexados à Taxa Referencial com taxa mínima de 6,25% + TR. Antes, trabalhava com uma taxa mínima de 6,50% + TR. A taxa máxima, que era de 8,50% + TR, cai para 8% +TR. A redução vale para os financiamentos com recursos do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE) para pessoas físicas.

 

O saldo da carteira de crédito habitacional da Caixa cresceu 13,4% desde janeiro de 2019, quando totalizava R$ 441 bilhões. Desde o início do ano passado, foram concedidos R$ 172 bilhões em crédito imobiliário, beneficiando 887 mil famílias e 2,8 milhões de pessoas durante a atual gestão do banco. 

 

Comentários

Últimas notícias