Concurso

Marinha abre concurso para 750 vagas de aprendizes-marinheiros

As vagas são para o cargo de marinheiro para os estados de Pernambuco, Ceará, Espírito Santo e Santa Catarina

Luisa Farias
Luisa Farias
Publicado em 24/05/2021 às 15:37
Notícia
Divulgação/Marinha do Brasil
Escola de Aprendizes-marinheiros da Marinha - FOTO: Divulgação/Marinha do Brasil
Leitura:

A Marinha do Brasil abriu nesta segunda-feira (24) concurso para as Escolas de Aprendizes-Marinheiros (CPAEAM). São 750 vagas para o cargo de marinheiro para os estados do Ceará, Pernambuco, Espírito Santo e Santa Catarina. Dessas, 600 são de ampla concorrência e as outras 150 reservadas para candidatos negros. 

Há quatro Escolas de Aprendizes-Marinheiros no Brasil: Escola de Aprendizes-Marinheiros do Ceará (EAMCE), em Fortaleza; Escola de Aprendizes-Marinheiros de Pernambuco (EAMPE), no Recife; Escola de Aprendizes-Marinheiros do Espírito Santo (EAMES), em Vila Velha, e Escola de Aprendizes-Marinheiros de Santa Catarina (EAMSC), em Florianópolis.

Entre os requisitos para se candidatas à vagas, o candidato deve ser brasileiro, do sexo masculino, solteiro, com idade entre 18 e 22 anos, e ter concluído o 3º ano do Ensino Médio ou estar em fase de conclusão. 

As inscrições vão desta segunda (24) até o próximo dia 13 de junho. A taxa é de é de R$ 40, que deve ser pago até o dia 18 de junho. A prova escrita deve ser realizada na 2ª quinzena de julho deste ano. 

Os interessados podem acessar o edital com todos os detalhes do concurso no site www.ingressonamarinha.mar.mil.br. No ato da inscrição, o candidato deve informar a ordem de preferência da área profissional: Eletroeletrônica, Apoio e Mecânica. 

O concurso tem como etapas a prova escrita, com 50 questões de conhecimentos gerais das disciplinas de Matemática, Português, Ciências (Física e Química) e Inglês, além dos chamados "eventos complementares", que constituem a verificação de Dados Biográficos, Inspeção de Saúde, Teste de Aptidão Física para Ingresso, Avaliação Psicológica, Verificação de Documentos e Procedimento de Heteroidentificação Complementar à Autodeclaração.

No edital de abertura do concurso, constam as datas para a Inspeção de Saúde (de 26 de outubro a 26 de novembro e para uma nova inspeção, em grau de recurso, de 29 de novembro a 10 de dezembro.

Os candidatos aprovados no concurso passarão pelo Curso de Formação de Marinheiros para a Ativa (C-FMN) em regime de internato, pelo período de um ano letivo, com duração de 48 semanas. Serão ministradas aulas de Ensino Básico e do Ensino Militar-Naval.

Durante o curso, os aprendizes-marinheiros receberão uma bolsa-auxílio de R$ 1.303,90, além de alimentação, uniforme, assistência médico-odontológica, psicológica, social e religiosa. 

Na segunda fase, os aprovados estarão no grau hierárquico de Grumete (GR), passarão pela especialização técnica, nas áreas escolhidas previamente de Eletroeletrônica, Apoio ou Mecânica. O aluno receberá o auxílio de R$ 1.398,30 como GR. 

Ao final do curso de formação, o grumete vai assumir o "Compromisso de Engajamento", que é um compromisso de tempo de serviço, pelo período de dois anos. 

Veja os locais onde será realizada a prova escrita:

Rio de Janeiro

- Rio de Janeiro

- Angra dos Reis

- Nova Friburgo 

- São Pedro da Aldeia 

- Macaé 

Espírito Santo

- Vila Velha 

Minas Gerais

- Belo Horizonte 

- São José da Barra 

Bahia

- Salvador 

- Ilhéus 

Sergipe

Aracaju

Rio Grande do Norte

- Natal 

Pernambuco 

- Olinda

Ceará

- Fortaleza 

Alagoas

- Maceió

Paraíba 

- João Pessoa 

Pará 

- Belém 

- Santarém

Amapá

- Santana 

Piauí

- Parnaíba

Maranhão

- São Luís

Rio Grande do Sul

- Rio Grande 

- Porto Alegre 

Paraná

- Paranaguá 

- Foz de Iguaçu

Santa Catarina

- Florianópolis 

- São Francisco do Sul

- Uruguaiana 

Mato Grosso do Sul

- Ladário 

Mato Grosso

- Cuiabá 

Distrito Federal

- Brasília

Tocantins

- Palmas

São Paulo

- Santos 

- Barra Bonita

Amazonas

- Manaus

Rondônia

- Porto Velho 

Comentários

Últimas notícias