NOVIDADE

Aplicativo de delivery mexicano chega ao Brasil e deve gerar mais de 3 mil empregos

A empresa pretende atingir 1 milhão de brasileiros e gerar entre 3 e 5 mil empregos nos primeiros dois anos de operação

Katarina Moraes
Katarina Moraes
Publicado em 03/09/2021 às 9:24
ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
OPÇÃO Valor é usado como uma poupança, na qual o segurado tem autonomia para utilizar a proteção financeira - FOTO: ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
Leitura:

A startup de delivery Justo lançou nessa quinta-feira (2) seu aplicativo no Brasil com um investimento inicial de 40 milhões de dólares. A empresa pretende atingir 1 milhão de brasileiros e gerar entre 3 e 5 mil empregos nos primeiros dois anos de operação. As informações são da Exame.

A empresa foi fundada há um ano e meio durante a pandemia, momento de crescimento nas entregas de produtos online. A Justo levantou cerca de 100 milhões de dólares em capital para expandir no México, seu país de origem, antes de chegar a São Paulo.

"O Brasil representa uma grande oportunidade, mas também um grande desafio devido ao tamanho e complexidade do mercado local, mas não tenho dúvidas de que com o talento e a paixão teremos muito sucesso", torceu o fundador e presidente-executivo, Ricardo Weder, em um comunicado.

A premissa da empresa é de que os entregadores cadastrados tenham autonomia para definir preço das corridas e uma remuneração justa, ao contrário do que se vê atualmente em outras plataformas de delivery.

Além disso, o Justo mantém o próprio estoque de mercadorias, que são enviadas diretamente de seus depósitos até a casa dos clientes.

Comentários

Últimas notícias