SEM ALTERAÇÕES

Caminhoneiros: Porto de Suape opera normalmente, apesar de bloqueios em Pernambuco

Nas vias localizadas nos arredores do porto não houve registros de interdições, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF)

Marcelo Aprígio
Marcelo Aprígio
Publicado em 09/09/2021 às 9:04
Notícia
Na BR-101 Sul, na Rota do Atlântico e na PE-60, importantes rodovias de acesso a Suape, caminhões e outros veículos transitavam sem maiores problemas FOTO:
Leitura:

Apesar dos bloqueios ou concentrações de caminhoneiros bolsonaristas em rodovias espalhadas pelo Brasil — sendo duas delas em Pernambuco — o Porto de Suape continua operando com normalidade, segundo a administração do terminal.

Nas vias localizadas nos arredores do porto não houve registros de interdições, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF). Na BR-101 Sul, na Rota do Atlântico e na PE-60, importantes rodovias de acesso a Suape, caminhões e outros veículos transitavam sem maiores problemas.

Além disso, desde as 7h55 desta quinta-feira (9), as rodovias que cortam Pernambuco e que haviam sido bloqueadas já foram totalmente liberadas, segundo a PRF. As manifestações tinham como pauta a defesa do governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), contrariedade aos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e a busca pela isenção do PIS-Cofins que incide sobre o óleo diesel já em janeiro de 2022.

Rodovias liberadas em Pernambuco

BR-101 Norte, km 43 - Igarassu - Liberada

Igarassu, no Grande Recife.
As pistas nos dois sentidos foram parcialmente interditadas, cedendo passagem somente para alguns transportes. A rodovia foi totalmente liberada por volta das 7h55.

BR-408, km 83 - Guadalajara - Liberada

Distrito de Guadalajara, em Paudalho, na Zona da Mata Norte.
As pistas nos dois sentidos foram parcialmente interditadas, cedendo passagem somente para ônibus, ambulâncias e alguns carros. A rodovia foi totalmente liberada por volta das 7h30.

Não houve registros de bloqueios na BR-101 sul, no Cabo de Santo Agostinho, nem em Ipojuca. Também não há informações de paralisações nas BR-232, BR-423 e BR-424.

Caminhoneiros pelo Brasil

Além de Pernambuco, outros 15 estados são ou foram afetados pelos atos promovidos pelos caminhoneiros desde a tarde dessa quarta-feira (8), segundo boletim divulgado à 1h15 desta quinta-feira (9) pelo Ministério da Infraestrutura. Assim como nas rodovias federais que cortam o solo pernambucano, na maioria dos locais, apenas carros pequenos, veículos de emergência e cargas de alimentos perecíveis foram liberados pelos manifestantes.

Em Santa Catarina, todavia, a manifestação já afeta até a coleta de lixo. Por meio de nota, a prefeitura de Jaraguá do Sul, na Região Metropolitana do Norte/Nordeste Catarinense, anunciou que a suspensão da coleta de lixo orgânico na cidade, que destina seus resíduos a um aterro sanitário em uma cidade vizinha, que sofre com bloqueios de caminhoneiros e, portanto, impede a passagem dos caminhões da prefeitura de Jaraguá.

Além de PE e SC, os caminhoneiros bloqueiam rodovias de outros 14 estados do país desde a quarta-feira (8), segundo informa o Ministério de Infraestrutura: Rio Grande do Sul, Paraná, Espírito Santo, Mato Grosso, Goiás, Bahia, Minas Gerais, Tocantins, Rio de Janeiro, Rondônia, Maranhão, Roraima, São Paulo e Pará.

O presidente Jair Bolsonaro gravou um áudio pedindo aos caminhoneiros que liberem as estradas do país. Na gravação, Bolsonaro diz que a ação "atrapalha a economia" e "prejudica todo mundo, em especial, os mais pobres".

Comentários

Últimas notícias