Talentos

Conheça quem são os nadadores apontados por Cielo como candidatos ao ouro em Tóquio

Integrantes do revezamento 4x200 metros do Brasil passam a candidatos ao alto do pódio olímpico, na opinião do velocista, com adiamento da Olimpíada

Luana Ponsoni
Luana Ponsoni
Publicado em 30/03/2020 às 12:24
Notícia
SATIRO SODRÉ/SSPRESS
Luiz Altamir é uma dos integrantes do revezamento 4x200m livres do Brasil - FOTO: SATIRO SODRÉ/SSPRESS
Leitura:

Entre os nadadores que irão representar o Brasil nos Jogos Olímpicos de Tóquio, há um grupo apontado pelo medalhista olímpico Cesar Cielo como candidato ao ouro no revezamento 4x200 metros livre, favorecido pelo adiamento do evento poliesportivo. Trata-se de Luiz Altamir, Breno Correia, João de Lucca e Fernando Scheffer que conseguiram garantir a presença do País na prova, durante a próxima Olimpíada, no Mundial de Desportos Aquáticos do ano passado. Correndo por fora, há ainda Murilo Sartori, de apenas 18 anos, considerado a maior revelação da natação brasileira. Em 2019, 49 centésimos separaram o jovem da classificação ao Mundial, realizado em Gwangju, na Coreia do Sul.

>>Após adiamento, Olimpíada de Tóquio define nova data

>>Adiamento dos Jogos de Tóquio vai trazer série de desafios à organização

>>Confederação Brasileira de Judô convida Marta para desafio na bola

Com o quarteto composto por Altamir, Breno,  João de Lucca e Scheffer o Brasil garantiu a vaga nos Jogos de Tóquio no dia 29 de julho, ao avançar as finais do Mundial com o tempo de 7min07s12, o sexto melhor das eliminatórias. A marca passsou a representar o novo recorde Sul-Americano, registrado também pela seleção brasileira há 11 anos.

Em 2018, o País já tinha dado mostras da força que pode ter na prova ao conquistar o ouro no Campeonato Mundial em piscina curta (25m).  A única diferença para a equipe que conquistou a vaga em Tóquio é que o grupo foi composto por Leonardo Santos no lugar de João de Lucca. A equipe brasileira também estabeleceu o novo recorde mundial, com o tempo de 6min48s81.

VEJA QUEM SÃO OS NADADORES BRASILEIROS DO REVEZAMENTO 4X200M LIVRE

SATIRO SODRÉ/SSPRESS
Luiz Altimar é uma dos integrantes do revezamento 4x200m livres do Brasil - SATIRO SODRÉ/SSPRESS

Luiz Altamir é natural de Roraima, tem 23 anos. Além do ouro no Mundial de Piscina Curta, é bicampeão pan-americano no revezamento 4x200m livre. Também tem uma prata nos Jogos Pan-Americanos no revezamento 4x100m medley e um bronze nos 400m medley. 

Satiro Sodré/SSPress/CBDA
Breno esteve no Mundial de Desportes Aquáticos com o Brasil - Satiro Sodré/SSPress/CBDA

Breno Correia é natural da Bahia e tem 21 anos. Além do ouro no Mundial de Piscina Curta no revezamento 4x200m livre em 2018, também conquistou um bronze no 4x100 metros livre do mesmo evento. Em Jogos Pan-Americanos, ele tem duas medalhas de ouro e três pratas.

SATIRO SODRÉ/SSPRESS/CBDA
João de Lucca é o mais experiente do revezamento 4x200m livre do Brasil - SATIRO SODRÉ/SSPRESS/CBDA

João de Lucca é carioca e um dos mais experientes do time brasileiro do revezamento 4x200m livre. Tem 30 anos. Possui um bronze no revezamento 4x50m livre misto no Mundial em piscina curta e um ouro no mesmo evento no revezamento 4x50m medley. Em Pans são quatro ouros e uma prata.

SATIRO SODRE/SSPRESS/CBDA
Scheffer tem apenas 21 anos e é mais um jovem talento do revezamento 4x200m livre do Brasil - SATIRO SODRE/SSPRESS/CBDA

Fernando Scheffer é mais um jovem talento do revezamento 4x200m livre do Brasil. Nasceu no Rio Grande do Sul e tem 21 anos. Ao lado do ouro no Mundial de piscina curta em 2018, tem dois ouros em Jogos Pan-Americanos e uma prata. 

Satiro Sodré/SSPress/CBDA
Breno esteve no Mundial de Desportes Aquáticos com o Brasil - FOTO:Satiro Sodré/SSPress/CBDA
SATIRO SODRÉ/SSPRESS/CBDA
João de Lucca é o mais experiente do revezamento 4x200m livre do Brasil - FOTO:SATIRO SODRÉ/SSPRESS/CBDA
SATIRO SODRE/SSPRESS/CBDA
Scheffer tem apenas 21 anos e é mais um jovem talento do revezamento 4x200m livre do Brasil - FOTO:SATIRO SODRE/SSPRESS/CBDA

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias