MMA

Wanderlei Silva é atropelado em Curitiba enquanto andava de bicicleta

Wanderlei, lenda do MMA de 43 anos, pedalava pelo centro da capital paranaense quando foi atropelado

JC
JC
Publicado em 04/06/2020 às 14:46
Notícia
REPRODUÇÃO
Lutador já havia sido atropelado em 2016 também em Curitiba - FOTO: REPRODUÇÃO
Leitura:

O lutador de MMA Vanderlei Silva foi atropelado nesta quinta-feira (4) em Curitiba, capital do Paraná. O atleta de 43 anos andava de bicicleta pelo centro da cidade quando, ao atravessar um cruzamento, foi atingido por um carro. Prontamente o motorista parou e ajudou a socorrer uma das lendas do vale-tudo. Wanderlei teve escoriações no rosto e fraturou um osso do pé.

Segundo o lutador, ele acabou se distraindo ao atravessar o cruzamento e foi surpreendido pelo veículo que o atingiu. De capacete, o atleta contou que, se não fosse por esta proteção, poderia até ter morrido devido à pancada, já que foi lançado para longe e bateu com o rosto diretamente no asfalto. O motorista o levou ao hospital e outras pessoas ajudaram a recolher a bicicleta e pertences do 'Cachorro Louco'.

Na primeira vez que Wanderlei Silva sofreu um atropelamento também em Curitiba, em 2016, o motorista fugiu sem prestar socorro. Agora, apesar de, por um momento, pensar que pudesse ter sido algum atentado contra si, a prestação do motorista acalentou o lutador. 

Wanderlei Silva tem chamado as atenções na cidade por organizar protestos em defesa do Governo Federal. Inclusive, participou de marchas intituladas como patriotas, em defesa da bandeira do Brasil e contra os movimentos antifascistas, estes que participaram de protestos na última segunda-feira (1). Na capital paranaense, houve confronto com a polícia e os 'antifas' e depredação de patrimônio público e privado.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte.

Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias