HOMENAGEM

Cristo Redentor é iluminado de verde e amarelo em homenagem aos 80 anos do Rei Pelé

Rei do futebol recebeu reverência pelos muitos anos prestados à Seleção Brasileira

Thalis Araújo Marcos Leandro
Thalis Araújo
Marcos Leandro
Publicado em 23/10/2020 às 22:25
Notícia

REPRODUÇÃO/TWITTER
Estátua do Cristo Redentor - FOTO: REPRODUÇÃO/TWITTER
Leitura:

Uma homenagem mais que especial foi prestada ao Rei Pelé, que completou 80 anos nesta sexta-feira (23). A estátua do Cristo Redentor, localizada no topo do Corcovado, no Rio de Janeiro, foi iluminada com as cores verde e amarelo.

Pelé tem legião de fãs adolescentes nas redes sociais

> Saúde de Pelé passou por altos e baixos nos últimos anos

Casamento de Pelé com Assíria parou o Recife em 1994

Aos 80 anos, Pelé segue como maior referência no futebol mundial

A reverência a Pelé, que é tido como o rei do futebol, é um agradecimento pelos seus muitos anos prestados à Seleção Brasileira.

Gols e títulos de Pelé

Tanto talento fez a festa da torcida brasileira, do Santos e até dos Cosmos, sua empreitada nos Estados Unidos no seu fim de carreira. Foram 59 títulos (contando também alguns pelo exército brasileiro e várias taças pele seleção) e 1.282 gols. Sobre bola na rede, sua especialidade, alguns registros apontam um tento a menos. Isso porque um dos gols do Santos na vitória por 5x2 sobre a Polônia, em 1960, foi creditado a Pelé, mas as imagens mostraram depois que foi de Coutinho.

Por falar em Santos, Pelé conquistou duas Libertadores e dois Mundiais (1962 e 1963), afora 10 Campeonatos Paulistas, entre outros torneios, como Taça Brasil, Roberto Gomes Pedrosa e Torneio Rio-São Paulo. Em 1958, mesmo ano em que sagrou-se campeão da Copa do Mundo com a seleção aos 17 anos, foi artilheiro do Campeonato Paulista com 58 gols, um recorde.

> Veja a relação de todos os títulos de Pelé na carreira

Pela Canarinho, conquistaria ainda as Copas de 1962, no Chile - se machucou e atuou apenas na estreia contra o México -, e a de 1970, no México. Ainda é o único jogador a conquistar três Copas do Mundo. E em solo mexicano, se consagrou de forma definitiva em Mundiais ao lado de um time inesquecível, que tinha também craques do quilate de Rivellino, Gérson, Tostão, Jairzinho, Clodoaldo e Carlos Alberto Torres. Foram quatro gols no torneio do México, contabilizando ao todo 12 na história das Copas - marcou um em 1962 e outro em 1966. Relembre, através do streaming DAZN, os números de Pelé pela Seleção Brasileira.

Depois de se despedir do Santos em 1974, Pelé aceitou o convite do Cosmos, de Nova York. Recebendo US$ 7 milhões por um contrato de seis meses. Ele ficaria nos EUA até 1977, sendo o ícone que o país precisava para difundir o esporte junto à população.

Aos 80 anos, Pelé tem aparecido pouco, em virtude da dificuldade para andar principalmente pelas dores no quadril. Mas na última terça-feira, ele mandou uma mensagem de agradecimento por tudo o que aconteceu na sua vida, E nós, súditos, só podemos desejar uma coisa: vida longa ao Rei!

Seja um assinante JC.

Assine o JC com planos a partir de R$ 1,90 e tenha acesso ilimitado a todo o conteúdo do jc.com.br, à edição digital do JC Impresso e ao JC Clube, nosso clube de vantagens e descontos que conta com dezenas de parceiros.

Assine o JC

Comentários

Últimas notícias