futebol feminino

Marta e Carli Lloyd dão adeus a Maradona

Além das duas jogadoras eleitas melhores do mundo pela Fifa, Megan Rapinoe e Ada Hegerberg, também premiadas, se despediram do ex-jogador

Karoline Albuquerque
Karoline Albuquerque
Publicado em 25/11/2020 às 17:31
Notícia

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM
Marta destacou a inspiração de todos os jogadores de futebol em Maradona. - FOTO: REPRODUÇÃO/INSTAGRAM
Leitura:

A morte de Diego Armando Maradona, aos 60 anos, nesta quarta-feira (25), abalou o mundo do futebol em todas as suas modalidades. Entre as jogadoras do desporto feminino, grandes estrelas como a atacante brasileira Marta, a norueguesa Ada Hegerberg e as norte-americanas Carli Lloyd e Megan Rapinoe lamentaram a morte do ídolo argentino.

Em sua conta oficial no Instagram, a alagoana Marta publicou uma série de fotos abraçada a Maradona e disse estar muito triste com a notícia da morte dele. Ela destacou ainda Don Diego como uma inspiração para todos os profissionais da bola.

"Perdemos um dos Deuses da bola, uma lenda histórica, e de âmbito mundial, que inspirou a todos nós, profissionais da bola, com sua magia e amor único na forma/maneira como ele tratava a bola!!! Gratidão por ter a honra de ter conhecido você: meu rei hermano", escreveu a jogadora seis vezes melhor do mundo.

A meia norte-americana Carli Lloyd, melhor do mundo Fifa em 2016, citou seu encontro com Maradona como um dos maiores momentos de sua carreira. "Um verdadeiro gigante e outra lenda indo embora cedo demais", acrescentou a jogadora, também com uma foto ao lado dele.

Sem encontros com o ídolo argentino, a atual melhor do mundo, a atacante Megan Rapinoe, e a Bola de Ouro 2018, Ada Hegerberg lamentaram a morte do ex-jogador nas redes sociais.

[caption id="attachment_213829" align="alignnone" width="748"]
FOTO: REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Comentários

Últimas notícias