DESFALQUE?

Por que Neymar não foi para as Olimpíadas de Tóquio?

Protagonista do ouro brasileiro nos Jogos de 2016, Neymar não foi nem cotado para estar entre os convocados para Tóquio 2020

Túlio Feitosa
Túlio Feitosa
Publicado em 25/07/2021 às 10:10
Notícia
MARTIN BERNETTI/AFP
Neymar protagonizou o ouro olímpico de 2016 - FOTO: MARTIN BERNETTI/AFP
Leitura:

Após o empate sem gols da seleção brasileira masculina de futebol contra a Costa do Marfim, nos Jogos de Tóquio 2020, as pesquisas questionando a ausencia de Neymar na partida subiram consideravelmente, segundo dados coletados pela ferramenta Google Trends. Mas por que o camisa 10 do Brasil ficou de fora desses Jogos Oímpicos?

>> Brasil bate a Arábia Saudita e avança para as quartas de final no futebol masculino na Olimpíada de Tóquio; veja imagens

>>> Artilheiro da seleção brasileira, Matheus Cunha desencanta na Olimpíada de Tóquio

Protagonista do ouro brasileiro nos Jogos de 2016, Neymar não foi nem cotado para estar entre os convocados para Tóquio 2020. Isso porque a idade máxima para estar na lista é 23 anos (24 este ano, já que a Olimpíada sofreu adiamento) e o atacante completou 29 em fevereiro.

Mesmo com cada delegação podendo chamar até três nomes acima da idade mínima, o Brasil optou por levar apenas o lateral-direito Daniel Alves, de 38 anos. Em 2016, Neymar era um dos maiores de 23 anos daquela seleção.

Outro fator influente também foi a Copa América e a não-obrigatoriedade dos clubes liberarem seus atletas para as Olimpíadas. No ano dos Jogos do Rio, Neymar optou por não participar da Copa América Centenária, nos EUA, para buscar o ouro olímpico. Em 2021, o camisa 10 da seleção principal optou pelo torneio continental.

Mesmo com as competições acontecendo em períodos diferentes, optar em disputar as duas no mesmo ano pode sobrecarregar o atleta que atua no futebol europeu, já que ele não terá o período de descanso entre uma temporada e outra.

Sem Neymar, a seleção olímpica volta a campo contra a Arábia Saudita na próxima quarta-feira (28). A bola irá rolar às 5h no horário de Brasília. A partida vale a liderança do Grupo D dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020

 

Comentários

Últimas notícias