FINAIS DO ESTADUAL

FPF diz que Santa Cruz pode recorrer ao Governo para que 2º jogo da final do Estadual seja no Arruda

Em entrevista à Rádio Jornal, o presidente da FPF disse que, se o Governo autorizar o 2º jogo da final no Arruda, a entidade não se opõe: "não tem problema nenhum"

Lucas Holanda
Lucas Holanda
Publicado em 31/07/2020 às 12:12
Notícia

Rafael Melo/Santa Cruz
Santa Cruz enfrentará o Salgueiro na final do Pernambucano. - FOTO: Rafael Melo/Santa Cruz
Leitura:

Mesmo confirmando as finais do Campeonato Pernambucano entre Santa Cruz x Salgueiro no Cornélio de Barros e Arena de Pernambuco, o presidente da Federação Pernambucana de Futebol disse que o 2º jogo da partida ainda pode acontecer no Arruda, caso o Governo do Estado libere o estádio para a decisão. Em entrevista ao narrador Alexandre Costa, da Rádio Jornal, o mandatário da FPF, Evandro Carvalho, afirmou que o Tricolor pode recorrer ao Governo do Estado e, se o Arruda for liberado, a entidade não tem qualquer objeção para a partida ser realizada no José do Rego Maciel.

"Me perguntaram: 'se houver autorização do Governo, o 2º jogo pode ser no Arruda? Não tem problema nenhum. A Federação não nenhuma objeção. Nós não fizemos essa consulta (ao Governo do Estado), porque quem pode fazer isso é o clube, se por ventura for feito isso. Isso pode ser feito, não vejo nenhuma objeção. Existe um comitê e uma secretária de saúde. À época que o protocolo foi feito, foi firmado dentro de certas circunstâncias que a doença apresentava. Hoje, graças a Deus, o Governo mostrou muita competência e Pernambuco teve um resultado controle na redução da pandemia", disse Evandro, que completou afirmando não ter nada contra o Arruda.

"Se o Governo autorizar (jogo no Arruda), para a Federação não tem nenhum problema. Não tenho nada contra o Arruda, contra a Ilha do Retiro e nada contra o Salgueiro. A Federação não transige com a legalidade. A Federação pode errar, naturalmente deve errar. A Federação deve ser tida com antipática, mas nada disso importa para mim. O que importa para mim é: o que é legal, é legal", finalizou o mandatário da Federação Pernambucana de Futebol.

Mais cedo, em contato com a reportagem do Jornal do Commercio, o presidente do Santa Cruz, Constantino Júnior, disse que o clube iria aguardar a FPF oficializar o mando de campo. "Vamos aguardar. Estamos focando no campo e no adversário. O 2º jogo só acontece depois do primeiro", disse o mandatário tricolor.

Leia mais

> Finais do Pernambucano entre Santa Cruz e Salgueiro serão no Sertão e na Arena de Pernambuco

> 'Não tem motivo para não ser em Salgueiro', diz presidente sobre 1º jogo da final do Estadual com o Santa Cruz

> Maycon Cleiton celebra momento e Schulle destaca trabalho

O jornalismo profissional precisa do seu suporte.

Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias