NATUREZA

Na Austrália, diabos-da-Tâsmania são reintroduzidos à natureza depois de 3 mil anos de extinção

A soltura foi realizada entre os meses de julho e setembro deste ano

JC
JC
Publicado em 05/10/2020 às 19:00
Aussie Ark/Reprodução
O programa acompanhará o desenvolvimento da espécie na Austrália - FOTO: Aussie Ark/Reprodução
Leitura:

Com informações do jornal O Tempo

Depois de 3 mil anos sendo considerados extintos no bioma originário, um grupo de 26 diabos-da-tasmânia foi levado até um santuário em Barrington Tops, na Austrália. O espaço, que conta com 400 hectares, tem condições para que a espécie possa se reproduzir de maneira orgânica, com a possibilidade de que o animal não seja mais considerado como extinto na natureza.

A soltura dos bichos foi realizada entre os meses de julho e setembro deste ano. Uma operação parecida com a que foi realizada na década de 1990 com o retorno dos lobos ao Parque Nacional de Yellowstone, nos Estados Unidos.


Comemorando o sucesso do projeto, o ator Cris Hemsworth foi até o santuário auxiliar na soltura de 11 diabos-da-tasmânia, nesta segunda-feira (5). O programa que teve início em 2004 seguirá acompanhando de perto o desenvolvimento da espécie na Austrália, com o auxílio de câmeras e coleiras especiais.

Comentários

Últimas notícias