AVALIAÇÃO

Prefeitura de Jaboatão diz que primeira semana de abertura de praias, parques e praças foi tranquila

Locais são fiscalizados 12 horas diariamente; poucos casos de desobediência foram flagrados, segundo a prefeitura do município

Thalis Araújo
Cadastrado por
Thalis Araújo
Publicado em 26/06/2020 às 19:29 | Atualizado em 26/06/2020 às 19:39
DIVULGAÇÃO
Banhos de mar e acesso ao calçadão voltam a ser liberados nos fins de semana na maior parte do Estado - FOTO: DIVULGAÇÃO
Leitura:

A Prefeitura de Jaboatão dos Guararapes avaliou a primeira semana da liberação do acesso às praias, parques e praças do município como tranquila. A administração do município diz ainda que a maior quantidade de pessoas circulou no calçadão realizando atividades físicas, enquanto outras optaram por caminhar na faixa de areia. O acesso às praias do município foi liberado no último domingo (21).

Segundo a prefeitura, poucos casos de desobediência ao decreto municipal foram flagrados. Pessoas que entraram no mar ou estavam em aglomerações atenderam às orientações dos agentes de fiscalização e não foram registrados maiores problemas.

Tudo sobre a covid-19

» Saiba tudo sobre o novo coronavírus

» Estou com sintomas de coronavírus. O que fazer?

» Especialistas alertam sobre sintomas menos comuns do coronavírus

» Veja o que se sabe sobre a cloroquina e a hidroxicloroquina no combate ao coronavírus

» Veja locais do Recife que atendem pessoas com sintomas leves do novo coronavírus

» Vacina brasileira para o coronavírus entra em fase de testes em animais

» OMS esclarece que assintomáticos transmitem coronavírus: 'Questão é saber quanto'

Fiscalização

A fiscalização acontece nos 8 km de praias em Jaboatão dos Guararapes, geralmente das 8h às 20h, todos os dias. O serviço é feito pela Guarda Municipal, Grupo de Apoio ao Meio Ambiente (Gama), equipe de Fiscalização Urbana, Secretaria de Turismo, drone e quadriciclo.

A Prefeitura afirma que o objetivo da ação de fiscalização é evitar concentração de pessoas, pois só são permitidos as caminhadas na areia e no calçadão e passeios de bicicleta na ciclofaixa para combater a propagação do novo coronavírus, causador da covid-19. A fiscalização também é realizada para evitar o comércio de bebidas e alimentos. As pessoas que infringirem a regra são orientadas pelos agentes sobre as liberações e proibições, a exemplo do banho de mar.

Comentários

Últimas notícias