FEMINICÍDIO

Mulher é morta a tiros no Agreste de Pernambuco; principal suspeito é o marido

Polícia procura o suspeito. Crime aconteceu no último domingo (3)

JC
JC
Publicado em 05/01/2021 às 9:32
Notícia
DIEGO NIGRO/ACERVO JC IMAGEM
Outra novidade do projeto é a tipificação do feminicídio como crime no Código Penal - FOTO: DIEGO NIGRO/ACERVO JC IMAGEM
Leitura:

Um mulher de 43 anos foi morta a tiros na noite do domingo (3) no Sítio Ramada, no município de Pedra, no Agreste de Pernambuco. A Polícia Civil de Pernambuco enquadrou o crime como feminicídio — assassinato de mulheres cometido em razão do gênero.

Informações iniciais apontam que a vítima foi atingida por disparo de arma de fogo pelo marido, um homem de 43 anos. Ela chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos.

O suspeito fugiu do local após o crime e a equipe policial faz diligência para localizá-lo. Foi instaurado inquérito policial, e o caso está sendo conduzido pela Delegacia de Pedra.

#UmaPorUma

A violência contra a mulher é constante e frequentemente acaba em tragédia. Existe uma história para contar por trás de cada feminicídio, em Pernambuco. O especial Uma por uma contou todas. Em 2018, o projeto mapeou onde as mataram, as motivações do crime, acompanharam a investigação e cobraram a punição dos culpados. Um banco de dados virtual, com os perfis de vítimas e agressores, além dos trágicos relatos que extrapolam a fotografia da cena do crime. Confira o especial Uma por Uma, sobre feminicídio.

Comentários

Últimas notícias