SEGURANÇA

Secretário da Defesa Civil do Recife orienta que população evite sair de casa durante fortes chuvas

Já para quem mora em áreas de risco, o direcionamento é procurar um local seguro e acionar o órgão pelo telefone 0800.081.3400. A ligação é gratuita e o atendimento 24h

Katarina Moraes Vanessa Moura
Katarina Moraes
Vanessa Moura
Publicado em 13/05/2021 às 9:25
Notícia
TIÃO SIQUEIRA/JC IMAGEM
BR-101, Jardim São Paulo - FOTO: TIÃO SIQUEIRA/JC IMAGEM
Leitura:

Em entrevista à Rádio Jornal, o secretário-executivo da Defesa Civil do Recife (Sedec), Cássio Sinomar, orientou que a população da capital pernambucana evite sair de casa enquanto durarem as fortes chuvas que caem nesta quinta-feira (13). Já para quem mora em áreas de risco, o direcionamento é procurar um local seguro e acionar o órgão pelo telefone 0800.081.3400. A ligação é gratuita e o atendimento 24h.

"A gente pede que, quem puder, espere em casa, porque é muita chuva. Neste momento está torrencial, caindo cerca de 10 a 15mm em meia hora, então é importante que as pessoas fiquem em casa. As que estão em áreas vulneráveis, como em morros, a orientação já é diferente: procure um local seguro, vá para a casa de um parente ou de um amigo, entre em contato com a Defesa Civil para que a gente vá lá e vistorie”, disse.

O chefe da pasta afirmou que há vários chamados no sistema da Defesa Civil, mas nenhum grave até então. "As chuvas continuam, a Apac deu o alerta de que vão até à noite. Pelo radar vemos que tem muita nebulosidade e água chegando. Já fizemos mais de 16 mil vistorias no Recife neste ano. Então muita gente já está orientada, já sabe o que fazer, já sabe as práticas seguras que tem que tomar. Está no momento de termos uma atenção especial", pediu.

Na quarta-feira (12), tanto a Apac como o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiram alerta de chuvas com intensidade moderada a forte, na região metropolitana e na Zona da Mata. Segundo o Inmet, há riscos de alagamentos, deslizamento de encostas e transbordamento de rios.

De acordo com a Apac, a chuva deve continuar nesta quinta. Isso porque a agência prevê, para a Região Metropolitana do Recife (RMR), clima parcialmente nublado a nublado com pancadas de chuva de forma isolada ao longo do dia e com intensidade moderada a forte. A temperatura da RMR deve ficar entre 22ºC e 31ºC.

Chuva registrada no Recife equivale a 30% da média histórica do mês de maio

A Defesa Civil do Recife registrou, entre as 21h da quarta (12) e as 9h desta quinta-feira (13), o total de 101,2 mm de chuvas, o que equivale a 30% da média histórica de precipitação no mês de maio, que é de 328,9 mm. O órgão diz ter recebido, nesse período, 43 chamados da população, entre pedidos de vistorias e solicitações de lonas plásticas. Em caso de ocorrências, a Defesa Civil pode ser acionada pelo 0800.081.3400. A ligação é gratuita, e o atendimento acontece 24h por dia.

A Emlurb registrou, neste período, seis ocorrências de quedas de árvores na cidade. Uma já foi concluída e as demais estão com o serviço em andamento. A autarquia afirma estar realizando a desobstrução de pontos de acúmulo de água com caminhões equipados com jato de sucção em diversas vias da cidade.

As intervenções ocorrem na rua 10 de Julho com 20 de Janeiro, Boa Viagem; Rua Barão de Tefe com Desembargador José Neves , Boa Viagem; Avenida Recife (Ipsep); Avenida Dois Rios ( SESI ) Ibura; Avenida Boa Viagem (Boa Viagem/Pina); Avenida General San Martin com Gomes Taborda (Cordeiro); Rua João de Andrade (Jardim São Paulo); Rua Paes Cabral (Cordeiro); Rua Otávio Lobo (Jiquiá); Avenida Caxangá (Cordeiro); Rua Estrada do Encanamento (Casa Amarela); Avenida Beberibe (Água Fria); Rua São João (Campina do Barreto); Rua Expedicionário Jamil Dagle, ao lado da praça Maria José dos Santos (Água Fria); Rua Uriel de Holanda com José Amarindo dos Reis, Dois Unidos, entre outros.

Para auxiliar o trânsito, equipes formadas por 150 agentes e 165 orientadores da CTTU afirmam trabalhar em áreas que foram afetadas pelas chuvas. Além disso, equipes técnicas trabalham com o intuito de realizar os ajustes necessários na rede semafórica da cidade. Entre 0h e 9h desta quinta-feira (13), período com maior incidência de chuva, não foram registrados acidentes de trânsito com vítima, segundo a prefeitura.

No mesmo recorte de tempo, a CTTU registrou ocorrências em 16 semáforos, dos quais seis já foram resolvidos e dez estão em atendimento. As equipes técnicas já estão em deslocamento para normalizar todo o sistema. "A Central de Operações de Trânsito (COT) da CTTU, que funciona 24 horas por dia, também realiza o trabalho de monitoramento das vias, identificando os pontos mais críticos, através de 162 câmeras de videomonitoramento", explicou a gestão.

 

 

Comentários

Últimas notícias