FESTA DO MORRO 2021

Orientações, esquema de trânsito e expectativa para a Festa de Nossa Senhora da Conceição 2021, no Recife

É comemorado neste 8 de dezembro a 117ª Festa do Morro. Haverá mudanças no trânsito da cidade e reforço nas linhas de ônibus. Confira

Katarina Moraes
Katarina Moraes
Publicado em 07/12/2021 às 15:00
FILIPE JORDÃO/JC IMAGEM
Festa do Morro da Conceição 2021, na Zona Norte do Recife - FOTO: FILIPE JORDÃO/JC IMAGEM
Leitura:

Celebra-se nesta quarta-feira (8) a festa que deu nome ao bairro do Morro da Conceição, na Zona Norte do Recife. Uma multidão de devotos irá até o local prestar graças e pedir por milagres da 0h às 19h30, quando ocorre a última missa no Santuário de Nossa Senhora da Conceição. Uma novidade para 2021, em comparação ao ano passado, é a realização de uma carreata de encerramento possibilitada devido ao avanço da vacinação e à queda das taxas epidemiológicas da covid-19. Para toda essa mobilização, mudanças no trânsito e esquemas de segurança foram adotados para o evento que deve vestir a cidade de azul - a cor da Imaculada.

Os romeiros que vão participar da carreata devem estar às 15h na concentração no estacionamento da Prefeitura do Recife, na Avenida Cais do Apolo, no Centro do Recife. De lá, a procissão percorrerá a Ponte do Limoeiro, Avenida Norte, Largo Dom Luiz e, então, subirá o Morro da Conceição através da Rua Itacoatiara - mas atenção, apenas o carro do andor e veículos com pessoas com dificuldades de locomoção ou de moradores do Morro que estiverem devidamente identificados com um comprovante de residência terão acesso à área. No mais, apenas pedestres e ciclistas podem subir. A liberação só ocorre em 9 de dezembro, após a Festa.

Os bloqueios serão itinerantes, ou seja, feitos e desfeitos de acordo com a passagem da carreata, e feitos pela cidade por entre 50 e 80 agentes de trânsito da Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano do Recife (CTTU). A recomendação do órgão é que os participantes cheguem cedo ao local e utilizem o transporte coletivo, uma vez que o público esperado é alto e a oferta de estacionamento em via pública é limitada. Ainda, afirmou que a fiscalização será rigorosa e que o veículo flagrado sobre calçadas ou em fila dupla corre o risco de ser rebocado, enquanto o motorista pode receber uma multa que varia entre leve, média e grave.

Também foi implementado um reforço das linhas de ônibus pelo Grande Recife Consórcio de Transporte. Ao todo, 281 ônibus estarão circulando pelo Morro da Conceição nesta quarta, com estimativa de fazerem 2.536 viagens ao longo do dia. Segundo a empresa, o contingente representa 123 ônibus e 999 viagens a mais do que em feriados comuns. Uma parada provisória foi instalada na Avenida Norte e manter o Terminal Integrado da Macaxeira funcionando durante toda a madrugada

As Santas Missas acontecerão de hora em hora. Em frente à torre da Igreja, na Praça, as celebrações serão à 0h, 2h, 4h, 6h, 10h, 12h e 14h. Já dentro do Santuário, à 1h, 3h, 5h, 7h, 9h, 11h, 13h e 15h. Será permitida a presença de 800 fiéis por celebração, dispostos em 480 lugares nos bancos da Igreja e 320 lugares em cadeiras distribuídas ao redor dele. A organização garante estimular o distanciamento social e disponibilizar álcool 70% e pias com água e sabão nas dependências do local. Aos fiéis, o uso de máscara é obrigatório.

Quem não sentir confiança em ir até o local ou estiver com sintomas de covid-19 pode assistir às missas à distância pelo canal do YouTube do Santuário do Morro da Conceição e na TV Pai Eterno (canal aberto 49). Uma cobertura especial de todo evento será feita pela Rádio Jornal (780 AM e 90.3 FM), com o patrocínio da Mauricéa, Turquesa e Pernambuco da Sorte, que também entregará medalhinhas e lenços homenageando Nossa Senhora da Conceição na Igreja.

Nos 10 dias de celebração, eram esperados 1 milhão de pessoas na Festa do Morro 2021. O Santuário ainda não tem atualizações de quantas pessoas já frequentaram o local até então.

A FÉ E A BUSCA PELA FRATERNIDADE

O tema da Festa do Morro de 2021, “Aos pés da Imaculada Conceição do Morro, somos todos irmãos”, e o lema “Quem faz a vontade de Deus, esse é meu irmão, minha irmã, minha mãe”, inspirados na carta do Papa Francisco, Fratelli Tutti (todos irmãos), remetem à necessidade da união entre as pessoas. “Hoje vivemos em uma sociedade polarizada, não só no sentido político, mas também na mentalidade. O papa faz um apelo para que aprendamos a conviver com o diferente e a ter tolerância, algo fundamental em uma democracia”, explicou o padre Pedro Luís dos Santos, reitor e Pároco do Santuário Nossa Senhora da Conceição.

Para a família da dona de casa Maria Auxiliadora Frutuoso, de 67 anos, a fraternidade sempre é aguçada durante as comemorações à Imaculada. Moradora do Morro, ela todo dia 8 de dezembro hospeda em sua casa parentes que moram em cidades vizinhas. “Fico muito ansiosa quando o dia vai chegando. Eu pinto a casa de azul. Como sou daqui, tem muita gente que vem de fora para a minha casa para ir para a festa. Toda minha família é muito católica, então cresci em cima disso. Tenho muita devoção a ela por vários motivos, até por morar aqui e sentir essa proteção”, contou.

FILIPE JORDÃO/JC IMAGEM
Maria Auxiliadora Frutuoso, devota de Nossa Senhora da Conceição - FILIPE JORDÃO/JC IMAGEM

Comentários

Últimas notícias