DEM

Kataguiri acusa bolsonarista de mentir sobre MBL ter recebido dinheiro do DEM para ato contra PT

Deputado afirmou que vai processar Carlos Jordy pela acusação falsa

JC
JC
Publicado em 29/06/2020 às 12:46
Notícia
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
O deputado federal e líder do MBL, Kim Kataguiri (DEM-SP) - FOTO: Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Leitura:

O deputado federal e líder do MBL, Kim Kataguiri (DEM), acusou o colega parlamentar Carlos Jordy (PSL) de mentir durante debate na CNN. Jordy afirmou em debate, transmitido nesse domingo (28), que o MBL teria recebido recursos do DEM para manifestações contra o PT na época do impeachment da presidente Dilma Rousseff, em 2016. Kataguiri criticou fala do deputado e disse que vai processá-lo pela "mentira esdruxula".

>> No Recife, Kim Kataguiri critica Bolsonaro, Moro, Lula e João Campos

"Ele vai ter que responder na Justiça e vai ter que pagar indenização por ser um mentiroso. Todo mundo que participou do impeachment sabe que esses eram os dois pontos que a esquerda batia: que éramos financiados por bilionários americanos do petróleo, depois era pelo PSDB, DEM e depois MDB. Cada vez inventaram um financiador diferente", afirmou Kataguiri.

 

>> No Recife, Kim Kataguiri diz que João Campos é 'despachante de luxo'

Durante o debate, Jordy afirmou que Kataguiri teria "ligações estreitas" com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM). "Você sabe muito bem que, apesar de falar mal dele, vive lambendo bota e recebeu dinheiro do DEM na época do impeachment para poder fazer manifestações", acusou.

A discussão continuou no Twitter. Após Kataguiri anunciar que ia processá-lo pela acusação, Jordy questionou se o DEM também pagaria pelos advogados. Kim rebateu afirmando que não era ele que utilizava dinheiro público para "fins pessoais". 

O jornalismo profissional precisa do seu suporte.

Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias