Câmara dos Deputados

Maia nega que tenha cogitado abrir processo de impeachment contra Bolsonaro

Declaração foi feita após reunião de líderes para definir cargos a serem disputados na eleição da Mesa Diretora

Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo
Publicado em 01/02/2021 às 18:26
Notícia
BRENDA ALCÂNTARA/JC IMAGEM
"Eu nunca disse que ia dar (andamento ao processo). Vocês (da imprensa) ficam ouvindo as pessoas e não confirmam comigo", disse Rodrigo Maia - FOTO: BRENDA ALCÂNTARA/JC IMAGEM
Leitura:

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), negou que tenha cogitado abrir processo de impeachment do presidente da República, Jair Bolsonaro. Durante a madrugada e durante a manhã desta segunda-feira (1) especulações sobre a abertura do processo apareceram na imprensa. Ontem, o Democratas aprovou a saída do bloco de apoio ao deputado Baleia Rossi (MDB-SP), candidato à presidência da Câmara que conta com o apoio de Maia, o que aumentou as especulações.

“Eu nunca disse que ia dar (andamento ao processo). Vocês (da imprensa) ficam ouvindo as pessoas e não confirmam comigo”, disse o presidente após a reunião de líderes que definiu os cargos a serem disputados pelos partidos na eleição da Mesa Diretora, que ocorre às 19h desta segunda.

Ao também ser perguntado se nesta segunda-feira daria o aval ainda para uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar a conduta do governo federal durante a pandemia de covid-19, ele questionou se há assinaturas suficientes para isso

O pedido em prol da CPI é da oposição, que precisa conseguir o apoio formal de 171 deputados para protocolar o requerimento da CPI.

Comentários

Últimas notícias