Legislativo

Frente da Renda Básica na Câmara do Recife recebe deputado Marcelo Freixo em reunião virtual

Prefeito de Belém (PA), Edmilson Rodrigues (Psol/PA) também participará do encontro virtual, marcado para esta sexta-feira (23), das 16h às 18h, que será transmitido no Youtube da Câmara Municipal do Recife

Luisa Farias
Luisa Farias
Publicado em 22/04/2021 às 21:20
Notícia
Foto: Tomaz Silva/Agência Brasi
Marcelo Freixo é membro da Frente Mista Pela Renda Básica do Congresso Nacional - FOTO: Foto: Tomaz Silva/Agência Brasi
Leitura:

O segundo encontro do "Mês Pela Renda Básica" na Câmara Municipal do Recife será realizado na próxima sexta-feira (23), das 16h às 18h, com a participação do prefeito de Belém (PA), Edmilson Rodrigues (Psol) e do deputado federal Marcelo Freixo (Psol/RJ). A iniciativa é da Frente Parlamentar Pela Renda Básica da Câmara, que pretende apresentar um projeto de implementação de um auxílio permanente para a população recifense que vive abaixo da linha da pobreza, após discutir o tema com especialistas e segmentos sociais. Será uma reunião virtual, transmitida no canal do Youtube da Casa José Mariano. 

>> Frente Parlamentar da Renda Básica é aprovada na Câmara do Recife

>> Vereador quer criação de auxílio emergencial para o Recife

>> Juntas propõe Renda Básica ao Governo de Pernambuco

Marcelo Freixo é membro da Frente Mista Pela Renda Básica do Congresso Nacional. Já Edmilson Rodrigues é arquiteto e professor por formação, além de ter sido deputado federal por dois mandatos. Ele é o responsável pela implementação do programa "Bora Belém", uma renda básica de até R$ 450 para cerca de 22 famílias da cidade em situação de vulnerabilidade social. 

A Frente Parlamentar pela Renda Básica, que já atuava na Casa no ano passado, foi reinstalada em março deste ano. Ela é presidida pelo vice-líder do governo na Casa, Rinaldo Junior (PSB) e pelos vereadores Eriberto Rafael (PP) - vice-presidente - Professora Ana Lúcia (Republicanos), Cida Pedrosa (PCdoB), Dani Portela (Psol), Hélio da Guabiraba (PSB), Liana Cirne (PT) e Renato Antunes (PSC). 

Primeiro encontro

Na primeira primeira reunião da frente no "Mês Pela Renda Básica", na última sexta-feira (16), participaram a ex-ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome do governo Lula Márcia Lopes e a deputada federal e presidente da Frente Parlamentar da Renda Básica na Câmara dos Deputados, Tabata Amaral (PDT/SP).

"Somos noreados por duas defesas: um auxílio emergencial justo, digno e maior que o que se tem hoje e uma ampliação e reformulação do Bolsa Família – que deve amparar, inclusive, as pessoas que saírem do auxílio emergencial", disse Tabata Amaral em vídeo enviado para os vereadores.  

Na reunião, Márcia Lopes defendeu a discussão de uma renda básica alinhada às necessidades específicas da população do município. "É preciso olhar o conjunto das políticas públicas setoriais e transversais e ver o potencial que cada uma tem do ponto de vista da sua legislação e estrutura. Além disso, ouvir a demanda que a população traz, seja para saúde, educação, cultura, esporte, meio ambiente, comunidades tradicionais, segurança, entre outras". 

Comentários

Últimas notícias