Restauro

Veja imagens de como vai ficar o Museu da Alepe na Rua da Aurora

O orçamento previsto para o projeto de restauração do Palácio Joaquim Nabuco é de R$ 17 milhões, captados via Lei de Incentivo à Cultura

Luisa Farias
Luisa Farias
Publicado em 21/05/2021 às 18:05
Notícia
Divulgação/Alepe
Imagens ilustrativas do Museu da Alepe, na Rua da Aurora, bairro de Santo Amaro, área central do Recife - FOTO: Divulgação/Alepe
Leitura:

As obras de restauro do Palácio Joaquim Nabuco, antiga sede da Alepe, só estão programadas para começar no segundo semestre de 2021, mas nesta semana, o prédio foi isolado com uma tapumagem especial com as imagens de como ele deve ficar quando elas forem concluídas. O orçamento previsto para o projeto de restauração do Palácio Joaquim Nabuco é de R$ 17 milhões, captados via Lei de Incentivo à Cultura, a antiga Lei Rouanet. 

"Assim, as pessoas que passarem pelo local poderão contemplar imagens belíssimas da obra que será entregue aos pernambucanos", afirmou o 1º secretário da Alepe, deputado Clodoaldo Magalhães (PSB).

O Palácio Joaquim Nabuco está Localizado na Rua da Aurora, bairro de Santo Amaro, área central do Recife. O imóvel sediou a Alepe de 1º de março de 1875 a 1° de agosto de 2017. Depois disso, quando ficou pronta a nova sede na Rua da União, no antigo edifício passou a funcionar o museu. 

Divulgação/Alepe
Tapumagem especial com imagens ilustrativas do Museu da Alepe, na Rua da Aurora, bairro de Santo Amaro, área central do Recife - Divulgação/Alepe
Divulgação/Alepe
Tapumagem especial com imagens ilustrativas do Museu da Alepe, na Rua da Aurora, bairro de Santo Amaro, área central do Recife - Divulgação/Alepe
Divulgação/Alepe
Imagens ilustrativas do Museu da Alepe, na Rua da Aurora, bairro de Santo Amaro, área central do Recife - Divulgação/Alepe
Divulgação/Alepe
Imagens ilustrativas do Museu da Alepe, na Rua da Aurora, bairro de Santo Amaro, área central do Recife - Divulgação/Alepe
Divulgação/Alepe
Imagens ilustrativas do Museu da Alepe, na Rua da Aurora, bairro de Santo Amaro, área central do Recife - Divulgação/Alepe

A construção do edifício ocorreu entre os anos de 1870 a 1875, sob a coordenação do engenheiro José Tibúrcio Pereira de Magalhães (1831-1886). Dez anos depois, em 1985, foi integrado ao conjunto urbano da Rua da Aurora, tombado como patrimônio estadual pelo Conselho de Cultura de Pernambuco. O Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) reconheceu em 2010 o acervo do palácio como instituição museológica. 

Museu da Alepe

O museu da Alepe guarda mobiliário (quadros, esculturas, bustos, lustres, cortinas, tapetes e móveis), obras de arte e 60 milhões de documentos catalogados, entre leis, petições, atas de reuniões e fotografias. 

A Prefeitura do Recife, a Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe) e Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) já aprovaram os projetos de Museologia, Luminotecnia, Paisagismo, Acessibilidade e de arquitetura e Restauro do Palácio Joaquim Nabuco. 

"As iniciativas começaram desde a concepção e realização de contratações, passaram pelos projetos e agora começa efetivamente o pontapé inicial, que é o isolamento do espaço para o início da obra”, explica o Clodoaldo.  

Comentários

Últimas notícias