PERMUTA

Investigado por tráfico de influência, filho de Bolsonaro fez permuta para se hospedar em Porto de Galinhas, diz O Globo

O empresário passou uma temporada de seis dias no Nordeste

JC
JC
Publicado em 26/07/2021 às 15:39
Notícia
DIVULGAÇÃO
Jair Renan Bolsonaro é investigado pela Polícia Federal sobre suposto crime de tráfico de influência - FOTO: DIVULGAÇÃO
Leitura:

Em sua passagem de seis dias pelo Nordeste, o filho do presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido), Jair Renan Filho, se hospedou no início deste mês em uma casa de veraneio à beira mar em Porto de Galinhas, Litoral Sul de Pernambuco. A diária da chamada "casa dos sonhos", com dois andares, sete quartos (três suítes), piscina e outros confortos disponíveis para até 20 pessoas, custa R$ 2,5 mil, entretanto, o filho do presidente fechou uma permuta com a administração do local. 

De acordo com as informações do colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo, a permuta foi fechada para a estada de apenas uma noite em troca de um publipost nas redes sociais de Renan Bolsonaro, que tem mais 505 mil seguidores no Instagram. Ele também esteve nas cidades de Olinda, Recife e em Maragogi (AL). Na cidade alagoana, Renan fez um post publicitário mostrando as dependências do Hotel Areias Belas, que não informou se teria fechado parceria no formato de permuta, segundo O Globo. No hotel, a diária dos quartos custa mais de R$ 500, em média, na temporada atual.

 

 Apelidado de Zero Quatro, Jair Renan Bolsonaro  é investigado pela Polícia Federal (PF) por tráfico de influência. Há suspeita de que ele tenha utilizado a sua proximidade com o governo federal para se beneficiar através da própria empresa de eventos. Entre os projetos que estão sob a tutela da Bolsonaro Jr. Eventos e Mídias, está um camarote no Estádio Mané Garrincha, em Brasília. Com o início das apurações pela PF, a divulgação do espaço, pelas redes sociais, foi suspensa. 


 


Comentários

Últimas notícias