DISTRATO

Evaristo Costa desabafa sobre demissão da CNN: "Me chutaram pela porta dos fundos"

Jornalista descobriu que foi desligado da emissora assistindo a programação da própria

Samantha Oliveira
Samantha Oliveira
Publicado em 14/09/2021 às 7:35
Notícia
Reprodução
Evaristo Costa na CNN - FOTO: Reprodução
Leitura:

O jornalista Evaristo Costa não escondeu seu descontentamento com a CNN Brasil após ter sido demitido "de surpresa" pela emissora. Pelas redes sociais, o profissional expôs a situação e agora, uma semana depois, voltou a falar sobre a situação pelo seu Twitter. Segundo o repórter, até mesmo seus advogados já estão envolvidos.

"Eles foram extremamente deselegantes e despreparados durante o distrato. Fui surpreendido por quem não esperava ser surpreendido, considero uma sabotagem. Mas quem levou o tiro no pé pela atitude foram eles mesmos. Eu optei pela verdade", declarou Evaristo Costa ao Notícias da TV.

A demissão do jornalista foi divulgada pela CNN Brasil no dia 3 de setembro. No mesmo dia, Costa foi até as redes sociais para relatar que descobriu sobre o fim do contrato enquanto ele assistia a programação da própria empresa. Ele havia estranhado que o seu programa foi retirado da grade enquanto ainda estava de férias, no dia 1 de setembro.

"Descobri sozinho, assistindo à chamada da nova programação e não me vi - nem meu programa, nem eu - lá. Um dia antes de voltar das férias, liguei para a direção e disseram que meu programa iria sair da grade e que a CNN não tinha mais interesse nos meus serviços", descreveu.

Ao todo, Evaristo Costa conta que faltavam ainda 15 meses de contrato antes da demissão. "Na hora de me contratar, aceitaram todas as minhas exigências com carpete vermelho. Na hora de me dispensar, me chutaram pela porta dos fundos, sem qualquer consideração", alfineta.

Comentários

Últimas notícias