JOGO VIRADO

‘Golpista do Tinder’ leva golpe nas redes sociais e perde mais de R$30 mil; entenda

Simon Leviev ficou conhecido após documentário relatando os golpes milionários que aplicou em mulheres que conheceu pelo Tinder, mas ele mesmo foi vítima de um golpe online

Lívia Maria
Lívia Maria
Publicado em 02/03/2022 às 16:49
Reprodução/Instagram
O 'Golpista do Tinder' mostrando suas viagens nas redes sociais - FOTO: Reprodução/Instagram
Leitura:

Simon Leviev, mais conhecido como o ‘golpista do Tinder’, acabou de ser vítima de um golpe no Instagram. O israelense foi abordado por uma mulher que ofereceu ajuda para verificar sua conta, mas depois sumiu com o dinheiro.

Fontes próximas afirmam que uma mulher, com conta verificada no Instagram, contatou Simon na última quinta-feira (24) para ajudá-lo a ter a sua conta e a de sua namorada verificadas. A pessoa alegou que seu namorado trabalhava na Meta, empresa de Mark Zuckerberg que é dona do Instagram e do Facebook, entre outras redes sociais.

De acordo com o TMZ, Simon chegou a falar com o suposto funcionário da Meta por vídeo-chamada em um momento em que ele estaria trabalhando na empresa. O funcionário teria dito que iria liberar o selo azul de verificado para as contas, assim como deletar as contas falsas que usavam o nome de Simon, pelo valor de US$ 6,664, aproximadamente R$ 34 mil no câmbio atual.

O pagamento foi feito através do PayPal, mas assim que a agente de Simon soube das transações suspeitou do golpe e falou diretamente a um verdadeiro funcionário da Meta, que confirmou que a empresa não cobra pelo selo de verificação. Antes de poder denunciar os golpistas, as contas da mulher que falou com Simon e do seu namorado foram deletadas do Instagram.

Nesta terça-feira (1º), Simon realmente teve sua conta verificada pelo Instagram depois que sua agente conversou com a empresa.

Comentários

Últimas notícias