Blog O Viral
O Viral

Se tem um repórter que não vive sem pauta, é o Viral. De notícias curiosas às novidades do seu seriado ou filme favorito, tá tudo aqui.

VER PERFIL
Inusitado

VÍDEO: Criança viraliza ao 'agarrar' e tentar proteger um rato morto

A menina tentou salvar o animal da boca de um gato de estimação

Maria Luísa Fernandes
Cadastrado por
Maria Luísa Fernandes
Publicado em 09/12/2021 às 12:40
Reprodução/TikTok
Criança tenta proteger rato do gato de estimação da família - FOTO: Reprodução/TikTok
Leitura:

As imagens de uma criança de apenas 4 anos acabou viralizando nas redes sociais. No vídeo, publicado em uma conta do TikTok, é possível ver a menina chorando pela morte de um pequeno ratinho, em Fortaleza. Segundo a família da criança, ela havia encontrado o animal na boca do gato de estimação, e para tentar salvá-lo, acabou pegando em suas próprias mãos. 

"Foi um dia que eu estava tomando café da tarde com a mãe dela. Meu filho, de 5 anos, apareceu e disse: 'a menina e o rato'. A gente pensou que era coisa de criança, mas depois ele explicou que a Julia estava com o bicho na mão. Fomos lá correndo ver o que tinha acontecido", explicou a tia da criança. 

Segundo ela, o gato havia capturado o outro animal e desaparecido debaixo de uma das camas da casa. A menina, apaixonada por animais, correu atrás do pequeno felino e tentou salvar o roedor de sua boca, mas o rato já se encontrava morto.

"Ela não pode ver animal nenhum, porque adora todos. Ela tem um gato desde novinho, desde que nasceu ela é grudada. Ela vê formiga e fala: 'olha, que bonitinha!' e quer até criar a formiga em casa", contou. 

O vídeo da criança protegendo o animal foi publicado no dia 22 de novembro pela tia, de 24 anos. As imagens tiveram mais de 1,4 milhão de visualizações e cerca de 1,3 mil curtidas na rede social. Durante uma entrevista com o UOL, a mulher contou que a sobrinha estava com medo de "devolver" o animal e o gato atacá-lo novamente.

"Naquele momento que eu não tomei o rato é porque eu sou muito medrosa. Eu não tenho coragem. Eu estava rindo não era porque estava achando engraçado, e sim por nervoso. Quando eu vejo alguma situação que me causa nervosismo, eu começo a rir", explicou a mulher. "Foi a primeira vez, nós fomos pegas de surpresa", contou. 

Durante a entrevista com o UOL, ela chegou a garantir que a menina se encontrava bem e que, após a cena, a mãe deu banho e explicou para a filha o motivo dela não poder pegar esses animais em suas mãos. "Ela entendeu", contou a mulher. "Mas ela sempre diz que quando crescer vai ser protetora dos animais", concluiu a tia da criança.

Informações: UOL.

Confira o vídeo:

 

Comentários

Últimas notícias