Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol em Pernambuco, do Nordeste, Brasil e do mundo
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, além do futebol nacional e internacional. Com análise, interatividade e opinião

TÉCNICO

Três vitórias de virada: Hélio dos Anjos fala sobre poder de reação do Náutico

O Náutico venceu o Operário, o Goiás e a Ponte Preta de virada, nas últimas três rodadas da Segundona

Carolina Fonsêca
Carolina Fonsêca
Publicado em 16/10/2021 às 20:24
Notícia
ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
Hélio dos Anjos ponderou que vitórias de viradas tem aspectos positivos e negativos. - FOTO: ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
Leitura:

Nas últimas três rodadas da Série B do Campeonato Brasileiro, o Náutico conquistou três vitórias. Todas de virada. O coração do torcedor alvirrubro pode até ter sofrido durante essas partidas, mas no fim os pontos conquistados deram motivos para voltar a acreditar no acesso à Série A. Na análise do técnico Hélio dos Anjos, porém, as vitórias de virada têm lados positivos e negativos. 

>> De virada, Náutico vence a Ponte Preta no Moisés Lucareli e segue vivo na luta pelo G-4

>> Ponte Preta 2x3 Náutico: ouça os gols da vitória do Timbu na voz de Roberto Queiroz 

>> Autor do gol da vitória do Náutico contra a Ponte Preta, Rafael Ribeiro dedica vitória à esposa

 
 
 
View this post on Instagram
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Helio dos Anjos (@helio_dos_anjos)

"Eu não gostaria de estar correndo atrás, não. Eu quero sair na frente. Nosso time tem potencial para isso, mas estamos nos colocando à uma prova que também está nos ajudando muito em termos de personalizar o time, em termos de criar algumas situações que realmente são muito importantes, independentes da técnica e da tática", analisou Hélio. 

Hélio dos Anjos chegou a deixar o comando do Timbu no meio do campeonato e retornou cerca de um mês depois. Na sua reestreia com o time, o Náutico perdeu para o CRB por 3x1, na 27ª rodada. Foi na partida seguinte que a equipe iniciou a reação, ao vencer o Operário de virada, por 2x1. Depois disso, venceu o Goiás, também de virada, por 3x2, mesmo placar obtido contra a Ponte Preta, neste sábado (16), no Moisés Lucarelli, em Campinas. 

Sobre este último jogo, o treinador destacou a superação do grupo. "Eu acho que foi um jogo de total superação, um jogo de melhora incrível do primeiro tempo para o segundo, principalmente o nível de competitividade. Acho que tudo é válido quando você ganha e você tem que tentar tirar proveito de tudo", disse. 

Comentários

Últimas notícias