Homenagem aos solos

Trilha, seminário e oficina de pintura no Jardim Botânico nesta quinta

Eventos são gratuitos e têm 30 vagas cada um, pela manhã e à tarde

Margarette Andrea
Margarette Andrea
Publicado em 17/12/2015 às 6:40
Divulgação
Eventos são gratuitos e têm 30 vagas cada um, pela manhã e à tarde - Divulgação
Leitura:

Oficina de pintura para crianças, seminário para técnicos e trilha para os amantes da natureza. As três atividades são oferecidas, nesta quinta, a partir das 9h,no Jardim Botânico do Recife (JBR), no bairro do Curado, Zona Oeste da cidade, numa alusão ao Ano Internacional dos Solos e ao Dia Mundial do Solo, celebrado em 5 de dezembro. Há 30 vagas para cada uma pela manhã e outras 30 a partir das 14h. As inscrições são gratuitas, feitas no local.

Uma das trilhas, a da Munguba, apresenta uma novidade a partir de hoje: passa a incluir, em seu conteúdo pedagógico, uma trincheira – de 1,40 metro de profundidade e 2,5 metros quadrados de área de superfície – onde os visitantes poderão observar a composição do solo no local, numa parceria com a unidade da Embrapa-Solos em Pernambuco, que fez a escavação na semana passada, a fim de colher sedimentos em diferentes estratos do solo, para análise em laboratório no Rio de Janeiro.

“É importante conhecer as camadas do solo, o material que é constituído e saber que ele tem de ser propício à espécie que se planta. Não adianta trazer um juazeiro para plantar num solo de praia”, observa a gerente-geral do JBR, Zenaide Nunes.

A oficina Pintando com Tinta de Solos acontecerá das 9h às 10h30, na Casa de Apoio do Viveiro Florestal, e é destinada a crianças acima de 5 anos. No local, há mesa, pias, bancadas e bebedouro. “As crianças vão utilizar tintas produzidas a partir do solo, conhecendo as variações de cores de cada um”, salienta a gestora.

O seminário O Solo e sua Importância nas Nossas Vidas será das 9h às 11h45, começando com exibição de vídeos. Haverá palestras abordando o solo e suas múltiplas funções; suas limitações e potencialidades na zona úmida costeira de Pernambuco; e o solo das florestas. “O evento intitulado Redescobrindo os Solos tem o objetivo de discutir a importância do solo na conservação da flora”, salienta Zenaide.

O Jardim Botânico do Recife é um museu de plantas vivas, oferecendo vários jardins temáticos, entre eles o sensorial, onde o visitante entra em contato com a natureza por meio dos sentidos. Cerca de 35 monitores, entre 70 funcionários, atuam no local, que tem estacionamento gratuito.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias