Projeto

Prefeituras do Grande Recife lançam Pacto pelo Turismo

Iniciativa tem como objetivo fortalecer o turismo de forma integrada e fomentar o fluxo de visitantes

Do JC Online
Do JC Online
Publicado em 16/01/2015 às 10:32
Foto: Andréa Rêgo Barros/PCR
Iniciativa tem como objetivo fortalecer o turismo de forma integrada e fomentar o fluxo de visitantes - FOTO: Foto: Andréa Rêgo Barros/PCR
Leitura:

O Recife e outras 12 cidades da Região Metropolitana lançaram, nessa quinta-feira (15), o projeto 'Pacto Metropolitano do Turismo'. A iniciativa, que havia sido firmada desde 1º de abril de 2014 e publicada no Diário Oficial do Recife desde junho do ano passado, tem como objetivo fortalecer o turismo de forma integrada e fomentar o fluxo de visitantes. Entre as cidades selecionadas, estão: Recife, Olinda, Jaboatão dos Guararapes, Paulista, Igarassu, Paulista, Abreu e Lima, Camaragibe, Cabo de Santo Agostinho, São Lourenço da Mata, Ipojuca, Moreno e Ipapissuma.

O acordo tem validade de três anos e pretende intensificar o desenvolvimento do setor turístico de forma unificada e com ações diversas. A principal novidade é que o projeto de experimentação turística Olha! Recife, que existia apenas na capital, passará a ter uma edição Olha! Metropolitano, que atenderá também outras cidades. Além disso, todos os municípios envolvidos vão poder colocar um estande na Avenida Rio Branco, no Bairro do Recife, durante o projeto Recife Antigo de Coração, para divulgar seus roteiros turísticos.

De acordo com o gestor do Recife, Geraldo Julio, o projeto tem a função de somar esforços. "Juntos vamos pensar em ações e possibilidades de promoção da nossa região. Poderemos oferecer ao turista todo o potencial que nossas cidades têm.Vamos gerar mais oportunidade para o nosso segmento, mais empregos, e consolidar o Recife como um importante polo turístico do país", destacou. Ainda segundo o prefeito, o Brasil possui 65 destinos indutores, e três destes são em Pernambuco.

Nas 13 cidades, uma pesquisa de opinião será realizada com a população para desenvolver roteiros turísticos integrados. “Juntos vamos pensar em ações e possibilidades de promoção da nossa região para quem mora e também para quem visita”, defendeu o prefeito Geraldo Julio (PSB). O plano inclui ainda um inventário dos locais adaptados para deficientes que servirá de base para a criação do Guia Acessível da Região Metropolitana.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias