transporte

MPPE se isenta de polêmica entre taxistas e Uber

Reunião entre representantes do MPPE e taxistas aconteceu nesta segunda-feira (18)

JC Trânsito
JC Trânsito
Publicado em 19/07/2016 às 12:50
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Reunião entre representantes do MPPE e taxistas aconteceu nesta segunda-feira (18) - FOTO: Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Leitura:

Após quatro horas de reunião entre representantes dos taxistas e do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), nesta segunda-feira (18), o promotor Humberto Graça disse que a polêmica envolvendo motoristas de táxi e Uber deve ser resolvida no Legislativo.

Em entrevista à TV Jornal, Humberto Graça reforçou que mudanças nos táxis devem se providenciadas. "Precisamos entregar à população um serviço que esteja adequado a ela. Em todas as medidas, de qualidade, eficiência, regularidade, higiene, cortesia", disse. O promotor explicou ainda o motivo do MPPE não se envolver na polêmica. "Entendemos, inclusive, que o palco adequado para a resolução dessa polêmica deva ser o Legislativo. Que o parlamento discuta a questão e defina se deve existir Uber ou não. Se o serviço deve continuar público ou se não deve, ou deve ser misto. Essa não é uma discussão da promotoria", finalizou.

O presidente do Sindicato dos Taxistas, Everaldo Menezes, disse que vai conscientizar os motoristas de táxi a melhorarem o serviço. "Eu não posso negar que tem falha em atendimento. A maioria é positiva, mas existe o negativo, isso em toda categoria e não só na de táxi. A gente vai tentar recuperar essa parte negativa, conscientizando os nossos taxistas", falou em entrevista à TV Jornal.

Uma nova reunião com o MPPE foi agendada para a próxima quarta-feira, dia 27.

PROTESTO - Na última quarta-feira (13), os taxistas protocolaram um documento na sede do MPPE pedindo a fiscalização da Lei Federal de número 12.468/2011, que dá exclusividade aos taxistas na atividade de transporte público individual remunerado de passageiros. Após a entrega do documento, os motoristas seguiram em carreata por vias importantes do Recife como Avenida Cruz Cabugá, no centro da capital pernambucana, e Avenida Mascarenhas de Morais, na Zona Sul do Recife

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias