'O Aprendiz': Band omite trecho em que participante fala sobre produção

Roberto Justus deu uma dura em três participantes durante episódio desta segunda-feira (1º/4)

Foto: Band/Reprodução
Roberto Justus deu uma dura em três participantes durante episódio desta segunda-feira (1º/4) - FOTO: Foto: Band/Reprodução

O apresentador Roberto Justus se irritou e discutiu com os influenciadores digitais que participam da atual edição do reality show O Aprendiz, na Band, no episódio que foi ao ar na noite de segunda-feira (1º/4).

Justus aplicou punições a quatro participantes no 3º episódio: Erasmo Viana e Gabriel Gasparini, da equipe vencedora, e Taty Ferreira, da equipe perdedora.

Os dois primeiros não puderam desfrutar da recompensa, e Taty foi indicada de forma automática à última parte da sala de reunião, que resulta em uma eliminação - mas acabou se mantendo na disputa.

"Falo de quebra de contrato. Falo de decepção. [...] O que vocês não podem fazer é contato pessoal com familiares, parentes, maridos, namorados. Será que a gente tem como controlar isso?", desabafou o apresentador.

"Erasmo, Gaspar e Taty. Vocês estão num programa de televisão onde vocês assinaram um contrato em que vão agir conforme a regra do jogo. São só 57 dias. Se a pessoa não quer, não precisa ficar aqui, vai pra casa, vocês sabiam que iam ficar longe das suas famílias."

Trecho retirado das plataformas oficiais da Band

Gabriel Gasparini afirmou que precisou entrar em contato com sua noiva pelo fato de que soube que ela havia sido vítima de um assalto recentemente. Segundo ele, com aval da própria produção do programa.

O momento em que Gaspar afirma que teve autorização da produção do programa para mandar a mensagem a um contato pessoal foi ao ar normalmente na TV na segunda-feira, mas foi inicialmente retirado da edição disponibilizada no canal oficial de O Aprendiz no site da Band e no YouTube, em um vídeo com a 3ª parte do episódio, que tinha duração de 13min32s.

Posteriormente, a emissora publicou um novo vídeo, com duração de 14m28s, contendo o trecho mencionado. Parte do momento em questão foi compartilhado nos stories do Instagram de Gasparini, e alguns internautas criticaram a ausência nos comentários do vídeo no YouTube.

"O que aconteceu foi o seguinte. Minha mulher foi assaltada no dia anterior...", começou a contar Gaspar, sendo interrompido por Justus: "Como é que você sabe?!". "A produção me passou", afirmou, fazendo com que o apresentador mudasse de postura. "Não teria entrado na mensagem [se] não tivesse acontecido o assalto", prosseguiu.

"Se você quer entrar na mensagem você chama o diretor do programa e diga!", rebate o apresentador em determinado momento, ao que o participante responde: "Foi chamado. A produção veio e falou pra mim. A sua noiva precisa do seu acesso ao seu e-mail"

"Então passa pra ela e passa pra eles", continuou Justus. "Foi exatamente o que aconteceu", esclareceu Gaspar.

"Ela precisava da senha do meu e-mail, que precisaria passar pra ela porque ela que está controlando minhas coisas, é minha assessora, no caso. Perguntei pra produção se poderia passar essa senha de e-mail, entrei na DM [mensagem direta], mostrei, inclusive pra produção, isso, o que era toda a mensagem", garantiu.

O E+ entrou em contato com a assessoria da Band sobre o fato, mas não obteve retorno até a publicação desta reportagem.

'Você não sabe ler contrato?'

Erasmo, que é casado com Gabriela Pugliesi, tentou se justificar: "Sinceramente, o dossiê fala: 'Você pode usar Instagram, Facebook e Twitter. Está explícito."

O apresentador respondeu com outra bronca: "Mas não pra falar com sua mulher! Os participantes não devem entrar em contato direto com familiares e amigos. É só saber ler!"

"Pelo que tá dizendo aí, eu acreditei que fosse só por WhatsApp", tentou prosseguir, antes que fosse novamente repreendido por Justus, que ainda questionou: "Você não sabe ler contrato?"

'O erro foi meu'

"Tudo que eu disse foi: pede à Mari [assessora] pra postar esse vídeo com essa legenda pra divulgação, e mandei a legenda. Entendo e peço desculpa, porque poderia simplesmente não ter divulgado no meu Facebook. Preciso fazer a 'mea culpa', sei que foi erro meu", justificou-se Taty sobre seu contato irregular.

Mudança na regra

"Vamos resolver isso da seguinte forma: daqui pra frente, em todas as provas que forem na rua, estão proibidas as famílias e os contatos de chegarem lá na prova", definiu Roberto Justus após o ocorrido.

Antes da tarefa, ele havia feito o seguinte anúncio aos participantes: "Atenção: não está liberada a rede social íntima através de WhatsApp e coisas mais. [...] Quem fizer isso está eliminado do programa, não é nem advertido". O fato acabou não se concretizando.

Advertência a Gabi Lopes

A participante Gabi Lopes, líder de sua equipe, também foi repreendida por Justus.

"Gabi, você encontrou com seu parceiro involuntariamente. A próxima vez que encontrarem qualquer pessoa como a Gabi encontrou, rechacem a pessoa, tirem de perto, é importante, isso é regra do programa. O 'involuntariamente' te dá uma advertência "

Não foi a primeira vez que Roberto Justus se irritou com os influenciadores durante a atual temporada de O Aprendiz.

'Tenho fila de gente que quis entrar nesse programa'

A participante Rúbia Baricelli, que teria manifestado a vontade de sair do reality show à sua empresária durante uma reunião rotineira permitida pela equipe de produção, também tirou Justus do sério.

"Você manifestou o possível desejo de desistir do programa. [...] Pessoas queriam muito estar nesse programa, não quero ninguém querendo pouco. Se quiser facilitar a vida de todo mundo e desistir, desiste agora."

"Tenho fila de gente que quis entrar nesse programa. Essa sua falha emocional traz pra nós um sinalizador que não gosto nos meus profissionais. Você demonstrou essa fraqueza querendo sair. Mudou de ideia, mas me contaminou", afirmou, anunciando sua demissão no 2º episódio da temporada.

Atrasos

No 2º episódio da atual temporada de O Aprendiz, Roberto Justus também ficou sem paciência por conta dos atrasos cometidos pelos participantes em uma tarefa de compra de itens inusitados: "Vamos penalizar vocês todas as vezes que fizerem o que fizeram hoje."

"Isso pode atrapalhar uma prova e deixar vocês em maus lençóis. Pensem nisso na próxima vez que a gente falar o horário que termina a prova e que vocês têm que estar no local da entrega do resultado, está claro?", ressaltou.

Reincidência no Aprendiz

Não é a primeira vez que Roberto Justus aplica uma punição semelhante à da atual temporada. No Aprendiz - O Retorno, em 2013, a participante Melina Konstadinidis encontrou sua mãe durante uma prova realizada em uma academia, a cumprimentou e a apresentou aos outros participantes.

Na sequência, ela avisou o marido de Melina sobre a presença de sua mulher no local. Ele foi até lá e lhe deu um beijo. "Isso é uma vantagem competitiva que tem que ser punida", afirmou Justus, que lhe retirou uma recompensa e também não lhe excluiu do programa. Mel foi vice-campeã daquela edição.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias