Negócios em saúde

Quinta edição do HospitalMed supera expectativas

O evneto registrou um balanço de mais de R$ 220 milhões em negócios e 17.250 compradores presentes

Editoria de Economia
Editoria de Economia
Publicado em 22/08/2017 às 16:19
Foto: Divulgação
O evneto registrou um balanço de mais de R$ 220 milhões em negócios e 17.250 compradores presentes - FOTO: Foto: Divulgação
Leitura:

A quinta edição do Hospital Med reuniu expositores, fóruns, congressos e workshops com diversas inovações em produtos e soluções tecnológicas.Durante os três dias, o evento registrou um balanço de mais de 220 milhões em negócios e 17.250 compradores presentes. De acordo com Tatiana Menezes, diretora da HospitalMed, os expositores enxergaram o crescimento e qualificação do público presentes. “Já garantimos a renovação de mais de 70% das empresas presentes para 2018”, pontua Tatiana.

Neste último dia de evento, um dos destaques foi à presença do Secretário de Saúde do Recife, Jailson Correa. O secretário participou de um almoço com Rodrigo da Fonte, diretor da feira. "A HospitalMed, evento que já faz parte do calendário do setor na capital, tem se consolidado a cada ano não só por agregar mais serviços, mas também pelo espaço importante de discussão sobre saúde”, enfatiza o secretário.

Outro destaque da programação foi a promoção realizada pelo Grupo Mídia do 2º Prêmio dos Líderes do Nordeste, uma homenagem às marcas mais lembradas, cases de sucesso, instituições de saúde e personalidades do ano. Entre os 36 ganhadores, estão o Real Hospital Português, na categoria qualidade e segurança, o Sindhospe, representado por Severino Omena, como instituição do ano, a MV, na categoria serviços prestados, o Hapvida como Saúde Suplementar, o sócio presidente da Hospitalmed Rodrigo da Fonte, como personalidade do ano no setor de negócios e Paulo Magno, presidente da MV, na categoria referência.

Houve também seminários, fóruns e congressos, entre eles o 4º seminário Norte-Nordeste de Farmácia Hospitalar, que discutiu sobre as atualizações no campo farmacêutico e a segurança do paciente.

Já a programação do 5º Fórum Norte-Nordeste de Enfermagem contou com o Prêmio Syspat de Inovação, além da grade de debates. Durante o evento foram premiados o farmacêutico e PHD em tecnologia farmacêutica, Luiz Francisco Pianowski. Sandra Mattos, cardiologista e PHD pela Lika-UFPE, também foi uma das condecoradas. Carol Paim, mestre e doutoranda em Biologia aplicada à saúde pela Lika-UFPE; Anália Riberia, reitora do IFPE; e Paulo Coelho Vieira, pesquisador e mestre na University Catholique de Louvain também foram homenageados.

O 2º Fórum de Simulação Realística em Saúde do Norte e Nordeste focou em debater a Simulação na formação em saúde: do conceito à aplicabilidade. Ana Loísa Araújo, da Abrassum/UFPB discorreu sobre a importância de trazer as peculiaridades da simulação para o encontro. “Estar nesta feira, fazendo essa colocação para profissionais de diversas áreas, na verdade, não é um motivo apenas de satisfação, mas é como defender uma causa. É um prazer imensurável contemplar esse avanço dentro do processo formativo, junto com desenvolvimento de simuladores dentro da nossa região”, finaliza.

Projeto

Entre os expositores que marcaram presença na feira, está a Opto, empresa paulista que está criando um projeto de Parceria para o Desenvolvimento Produtivo (PDP) de um Conjunto de Equipamentos Oftalmológicos estratégicos para o SUS, no âmbito do Grupo Executivo do Complexo Industrial da Saúde com a Universidade Federal de Pernambuco.

O projeto visa à transferência de tecnologia do processo produtivo e suporte técnico do Conjunto de Equipamentos. A UFPE visa absorver toda tecnologia dos produtos estratégicos em busca da sustentabilidade tecnológica e econômica do SUS a curto, médio e longo prazo, buscando aumentar a capacidade produtiva e de inovação no país e consequentemente contribuir para a redução do déficit comercial do Complexo Econômico e Industrial da Saúde, além de garantir o acesso à saúde.

Outra novidade apresentada durante o evento foi o lançamento do Econtroles, um dispositivo que promete ajudar a combater o mosquito da dengue. O equipamento, que será lançado oficialmente na StartUp Health, atrai a fêmea, induz a postura de ovos e a eclosão, eliminando as larvas em seguida. O equipamento, feito de plástico reciclável e com funcionamento apenas com água, foi elaborado pelo engenheiro florestal e mestre em Energia Nuclear e doutor em fisiologia vegetal Fernando Encarnação.

A Sismatec também apresentou inovações durante a feira. A Command Plus, uma tecnologia exclusiva da empresa, é pioneira no mercado nacional. O novo conceito em salas de cirurgias inteligentes proporciona integração e controle dos equipamentos da sala de cirurgia, promovendo segurança, redução de custos e um conteúdo autoexplicativo através do Ipad.

O encontro para 2018 já tem data marcada. A sexta edição será realizada de 03 a 05 de outubro, no Centro de Convenções, em Olinda.

Últimas notícias