TORCIDAS ORGANIZADAS

Oito pessoas são indiciadas por tentativa de homicídio a torcedores do Santa Cruz

Presidente e diretor de torcida da Inferno Coral foram espancados em via pública na Zona Oeste do Recife, em caso que chocou a população

JC Online
JC Online
Publicado em 25/09/2016 às 9:20
Reprodução/Whatapp
Presidente e diretor de torcida da Inferno Coral foram espancados em via pública na Zona Oeste do Recife, em caso que chocou a população - FOTO: Reprodução/Whatapp
Leitura:

A investigação sobre a tentativa de homicídio praticada contra o presidente da torcida organizada Inferno Coral, Amilton Lima dos Santos, e o diretor de arquibancada da mesma torcida, André Sales de Lima Júnior, foi concluída pela Polícia Civil. O inquérito apresenta o indiciamento de 8 pessoas, entre elas um menor de idade.

>>>Dossiê Organizadas


Amilton e André foram agredidos por um grupo rival de torcedores do Sport no último dia 11 de setembro, na Avenida Caxangá, Zona Oeste do Recife, horas antes do jogo entre Santa Cruz e Sport.

No mesmo dia do fato, segundo a polícia, um homem foi preso e um adolescente detido. No dia seguinte, Victor Eduardo Gomes da Silva, 20 anos, foi preso em flagrante em Camaragibe, no Grande Recife. Todos os suspeitos foram reconhecidos com a ajuda de imagens de um vídeo que mostra o momento do ataque aos dois torcedores.

Os acusados responderão por homicídio qualificado, rixa, corrupção de menores, associação criminosa e promover violência no trajeto de ida e volta do local do evento esportivo

A Polícia Civil divulgará detalhes sobre os demais indiciados e a investigação nesta segunda-feira (26)

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias