série a

Treinador do Flamengo admite 'empate amargo' e mira duelo com o Grêmio

Técnico do Flamengo, Jorge Jesus, disse que o empate por 4x4 com o Vasco foi amargo, mas já pensa no confronto com o Grêmio, no domingo

Gabriela Máxima
Gabriela Máxima
Publicado em 14/11/2019 às 10:32
Notícia
Reprodução/Twitter
Técnico do Flamengo, Jorge Jesus, disse que o empate por 4x4 com o Vasco foi amargo, mas já pensa no confronto com o Grêmio, no domingo - FOTO: Reprodução/Twitter
Leitura:

Perto da conquista do título da Série A, o Flamengo tem mostrado força ofensiva para vencer as partidas e manter uma longa invencibilidade - 23 jogos. O técnico Jorge Jesus admitiu um "sabor amargo" no empate por 4x4 no clássico contra o Vasco, na noite de quarta-feira, no Maracanã.

"Quem veio ao Maracanã ver o jogo, independentemente do time, saiu daqui com um espetáculo, um excelente jogo. Para o Flamengo foi um resultado amargo. Mas somamos mais um ponto, poderiam ser mais dois, mas estamos a cinco rodadas do final. Independentemente dos objetivos de cada um, um dérbi é sempre complicado, em qualquer país, seja no Brasil ou em Portugal. Tudo se altera, se transforma, e normalmente quem está mais embaixo na classificação se transforma ainda mais", disse o treinador português.

LIBERTADORES

No próximo dia 23, o Flamengo fará a final da Copa Libertadores contra o River Plate, em Lima. Antes, o time carioca enfrentará o Grêmio, neste domingo, em Porto Alegre, pelo Brasileirão. Com os desfalques certos de Willian Arão, Gerson e Bruno Henrique, que receberam o terceiro cartão amarelo, Jesus revelou que vai pensar bastante no time que escalará, mas quer colocar em campo a melhor equipe possível.

"É verdade que o jogo do Grêmio antecede a final que toda a nação do Flamengo sonha. Portanto, temos que pensar, mas a equipe não será a mesma, temos três jogadores suspensos. Vamos olhar o que é mais importante para o clube, que está próximo de conquistar dois títulos", comentou.

 

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias