Série C

Trio rebaixado com o Náutico em 2017 busca o retorno à Série B

Goleiro Jefferson, zagueiro Rafael Ribeiro e atacante Rafael Oliveira foram rebaixados com o Náutico e podem conquistar o acesso à Série B

Fernando Castro Fernando Castro
Fernando Castro
Fernando Castro
Publicado em 29/08/2019 às 14:38
Léo Lemos/Náutico e Alexandre Gondim/JC Imagem
Goleiro Jefferson, zagueiro Rafael Ribeiro e atacante Rafael Oliveira foram rebaixados com o Náutico e podem conquistar o acesso à Série B - FOTO: Léo Lemos/Náutico e Alexandre Gondim/JC Imagem
Leitura:

Às vésperas dos dois jogos mais importantes da temporada, os jogadores têm a chance de colocar seus nomes na história do Náutico com o acesso à Série B. A conquista pode ser ainda mais especial para um trio. Isso porque o goleiro Jefferson, o zagueiro Rafael Ribeiro e o atacante Rafael Oliveira participaram da campanha do rebaixamento do clube para a Série C, em 2017, e podem dar a volta por cima no clube.

Por diferentes justificativas, a temporada de 2017 é importante para a carreiras dos três jogadores. Formados nas categorias de base do Náutico, Jefferson e Rafael Ribeiro ganharam no ano as primeiras oportunidades em jogos pelo profissional. Até então reserva, o goleiro ganhou a primeira sequência no time titular depois da saída do experiente Tiago Cardoso, na última rodada do primeiro turno da Série B.

Mesmo com o rebaixamento do Náutico, abraçado na lanterna da competição, Jefferson conseguiu se destacar no time. Foram 23 partidas na Série B e boas defesas realizadas, incluindo um pênalti defendido. Diferente de Rafael Ribeiro e Rafael Oliveira, no entanto, o goleiro não continuou no elenco alvirrubro até hoje. O jogador foi emprestado para o Atlético-GO no ano passado e para o Joinville nesta temporada, até retornar ao Timbu no meio da disputa da Série C.

Coadjuvante na maior parte do tempo no Náutico, o zagueiro Rafael Ribeiro, atualmente com 23 anos, participou de poucas partidas na Segunda Divisão de dois anos atrás. Já com o rebaixamento praticamente decretado, o defensor ganhou uma sequência sob o comando do técnico Roberto Fernandes e foi titular da equipe nas últimas quatro rodadas da competição. Antes, havia entrado em campo apenas duas vezes.

RAFAEL OLIVEIRA

Por um lado negativo, a temporada de 2017 também marcou Rafael Oliveira. Na esperança de ajudar o ataque alvirrubro, o experiente centroavante foi contratado pelo Náutico como um dos artilheiros do Brasil no ano. Mas com apenas três jogos e um gol marcado com a camisa alvirrubra, o jogador teve uma grave lesão no joelho e ficou de fora do restante da Série C. Com seguidas lesões, Rafael Oliveira passou praticamente o ano passado inteiro se tratando e tem em 2019 o ano da retomada.

“Tenho certeza que vai ser um momento especial (conquistar o acesso à Série B) e eu creio que estamos passando por um momento muito bom na competição. Agora é manter o foco cada vez mais. Que possamos fazer dois grandes jogos no mata-mata. Se conseguirmos conquistar o objetivo principal, que é o acesso, eu vou ficar muito mais feliz por tudo que eu passei no Náutico”, comentou o atacante.

Últimas notícias