Fiscalização

Vigilância Sanitária apreende espuminhas e serpentinas de spray de Carnaval

Produtos são proibidos por oferecerem risco à saúde

Do JC Online
Do JC Online
Publicado em 12/02/2015 às 16:52
Fotos: Cortesia / Secretaria de Saúde do Recife
Produtos são proibidos por oferecerem risco à saúde - FOTO: Fotos: Cortesia / Secretaria de Saúde do Recife
Leitura:

A Vigilância Sanitária (Visa) da Secretaria de Saúde do Recife realizou uma ação na manhã desta quinta (12) para apreender as espuminhas e serpentinas de spray de Carnaval, que são proibidas por lei municipal desde 2007. O motivo é o uso de substâncias nocivas à saúde que são utilizados nestes produtos. A ação da Visa aconteceu com o apoio da Delegacia do Consumidor, pelas ruas Sete de Setembro e Hospício.

Para a chefe do setor de Controle de Alimentos e Produtos da Visa, Geise Belo, a proibição tem o propósito de prevenir a população de se expor a substâncias prejudiciais à saúde. “Os produtos têm uma substância química que, em contato com os olhos e até com a pele, pode causar vários danos à saúde”, afirmou Geise.

Os comerciantes que forem pegos vendendo esses produtos responderão a um processo administrativo-sanitário cuja multa pode variar de R$ 40 a R$ 400 mil. Do último sábado até agora, mil unidades de aerossóis de neves foram apreendidas em blocos pelo comércio formal e informal. Vale lembrar que, durante o Carnaval, equipes da Visa estarão de plantão para atender a qualquer denúncia sobre espuminhas ou alimentícias. A denúncia pode ser feita no estande da Vigilância Sanitária, próximo à Praça do Arsenal, ou através do telefone 0800.281.1520.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias